Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Assaltantes estão usando maquininha de cartão para assaltar no débito ou no crédito

0

Assaltantes usam maquininha de cartão para assaltar no débito ou no crédito. Vem chamando atenção o jeito de como os assaltantes estão fazendo para roubar as vítimas. Os criminosos vêm realizando vários sequestros-relâmpago e obrigando as vítimas a ceder a senha dos seus cartões para transferir quantias, no débito ou no crédito. Segundo a Polícia Civil da capital de São Paulo, 60 pessoas já foram presas e 45 casos aconteceram desde janeiro deste ano.

É provável que você também goste:

Por que o Nubank dá limite de R$ 50,00 para algumas pessoas?

Nubank oferece novamente um cartão com R$ 12000 de limite e sem consulta ao SPC e Serasa?

Seja membro

Sicredi cria plataforma digital para Programa de Recompensas que permite ganhar dinheiro de volta.

Assaltantes estão usando maquininha para assaltar no débito ou no crédito

Uma mulher afirmou que foi obrigada a entrar num carro sob a mira de armas. Em seguida, ao logo do percurso, os assaltantes combinaram pelo celular de outro envolvido, que era responsável por levar a máquina de pagamento para realizar a transação.

Outra vítima, um motorista de aplicativo, sofreu algo parecido e disse que caso não fornecesse a senha, “sofreria as consequências”. ,

Polícia quer que as operadoras ajudem

A polícia quer ajuda das operadoras para tentar coibir a prática, que é comum ter participação do dono da máquina de cartão. Os policiais ainda lembram que os aparelhos podem ser rastreados e uma das formas de se encontrar os criminosos pode ser a análise sobre movimentações duvidosas. Por exemplo, “um estabelecimento com R$ 1 mil em mercadorias receber R$ 10 mil de uma hora para outra seria um caso suspeito”, disse o delegado responsável.

A Associação Brasileira das Empresas de Cartão de Crédito e Serviços disse, em nota, que há investimento constante em recursos de segurança e que, ao identificar transações consideradas indevidas, é possível que se interrompa o serviço. Por fim, ele explicou que para ter o dispositivo, é necessário apresentar os documentos para comprovar a atuação legal das atividades.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.