Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Auxílio Emergencial: deputado dá indícios do retorno do benefício

0

O deputado federal André Janones (partido Avante) respondeu a um comentário de um seguidor em uma rede social, o Instagram. No comentário, ele dá a entender que o Auxílio Emergencial irá retornar. Deixando a todos com esperança, afinal o auxílio ajudou milhões de pessoas necessitadas. Confira abaixo.

Screenshot_20220124-153531_WhatsApp.jpg

Ao ser questionado se o Auxílio Emergencial não deveria durar até o fim da pandemia, que ainda está em curso, o deputado respondeu “Sim! Vocês terão uma surpresinha sobre esse assunto nos próximos dias! Pensaram que eu ia deixar o povo não? AGUARDE!!!!”

O Auxílio Emergencial foi um benefício do Governo Federal de R$ 600 a R$ 1200 para auxiliar autônomos, trabalhadores informais e microempreendedores individuais (MEI) que perderam seus empregos e consequentemente suas rendas durante a pandemia. 

Porém, no dia 1º de novembro de 2021 foi anunciado o fim do Auxílio, abandonando 22 milhões de pessoas carentes sem ajuda. O benefício atendeu mais de 67 milhões de famílias carentes com R$ 379 bilhões utilizados durante este processo.

Quem tem direito ao Auxílio Emergencial?

Caso o Auxílio Emergencial volte a ser distribuído a quem tem direito, para receber os beneficiários terão que cumprir alguns requisitos, veja quais.

  • Ser maior de 18 anos;
  • Não ter emprego formal, com carteira assinada;
  • Caso seja mãe adolescente poderá receber mesmo sendo menor de idade;
  • Renda mensal familiar de até três salários mínimos (igual a R$ 3.636);
  • Renda mensal per capita (por cada familiar) de até meio salário mínimo (R$ 606); 
  • Não poderá receber outro tipo de benefício assistencial, exceto Auxílio Brasil (antiga bolsa família).

Como consultar o Auxílio Emergencial?

Se o Auxílio Emergencial voltar, e quiser saber se terá direito ao benefício, siga o passo a seguir:

  • Primeiro, faça o login no aplicativo ou site do Auxílio Emergencial;
  • Informe seu CPF, nome completo e nome da mãe completo;
  • Se não tiver nome da mãe, assinale a opção “Mãe desconhecida”;
  • Insira data de nascimento;
  • Para finalizar, clique em “Enviar” e consulte as informações que você precisa.

Como consultar minha conta?

Para ver sua a sua conta, vá até o aplicativo da Caixa Tem. Nele você poderá fazer transferências, Pix, pagar contas, conferir saldo, consultar outros benefícios, entre outras funções.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então, siga-nos no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Brenda Rocha – Blossom / Shutterstock.com

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar