Você preencheu recentemente uma proposta de cartão de crédito e teve seu pedido negado por estar com o score baixo? Na própria adesão em alguns bancos digitais ou administradoras de cartões de crédito, como Nubank, Credicard Zero, Itaucard, entre outros, normalmente aparece que o próprio aplicativo poderá aceitá-lo futuramente. Isso significa que estará realizando novas consultas. Mas e afinal, os bancos podem consultar seu CPF inúmeras vezes? Tire as suas dúvidas aqui neste post.

Leia também:

Serasa Experian: na compra do certificado digital você ganha Antifraude

4 melhores cartões de crédito sem anuidade da Visa.

Cartão de crédito da Caixa sem consulta ao SPC e Serasa é boato.

Bancos podem consultar seu CPF várias vezes, reduzindo seu score?

Primeiramente, saiba que é legal. Realmente os bancos podem fazer isso, pois você está em análise de crédito pela instituição. Ou seja, você solicitou crédito e está aguardando ser aprovado. Infelizmente, de acordo com os critérios da instituição financeira, você não teve a liberação, mas as consultas seguem sendo feitas para saber se o seu perfil de crédito mudou, e se poderá ter uma chance.

Entretanto, é muito ruim perder valiosos pontos no score de crédito quando a instituição vai consultar seu CPF por reiteradas vezes, não é mesmo?

Para amenizar essa situação, siga estas dicas:

1) Faça uma assinatura do Serasa Antifraude

Fazendo uma assinatura do Serasa Antifraude, você vai saber em tempo real toda instituição que consultar seu CPF. Mensalmente você ainda recebe alertas com relatórios completos por e-mail.

2) Acompanhe seu CPF no Consumidor Positivo

Outra opção é acompanhar seu CPF através do site Consumidor Positivo. É gratuito.

3) Entre em contato com a instituição

Caso você tenha várias consultas ao seu CPF que estejam prejudicando o seu score de crédito, entre em contato diretamente com a instituição e peça que não façam mais. Simples assim.

Considerações finais

Uma outra possibilidade é solicitar a limpeza do histórico de consultas. Infelizmente, não é tão simples de se fazer. É necessário ir presencialmente nos Boureaus de crédito ou enviar documentação com firma reconhecida pelos Correios. Tire as suas dúvidas aqui neste artigo. Se mesmo que você tenha entrado em contato com a empresa e as consultas continuem, faça uma reclamação no Procon da sua cidade ou abra uma reclamação no Banco Central do Brasil.

Gostou da notícia?

Siga-nos em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Acompanhe tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Sobre o autor Ver todos os posts

EDUARDO MENDES

Sou um entusiasta da tecnologia, que também aprecia inovação, empreendedorismo, além de Fintechs e as suas facilidades.
Graduado em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e fundador dos sites Optclean Tecnologia, Conexão Estudante e Seu Crédito Digital.

Comentários no Facebook