Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

BC admite que inflação vai ultrapassar a meta; estimativa é de 8,5%

O Banco Central diz que com certeza a inflação vai ultrapassar o teto da meta.

0

Nesta quinta-feira (30), o Banco Central (BC) informou que subiu de 5,8% para 8,5% a sua estimativa de inflação para 2021, segundo o IPCA. A estimativa, que consta no relatório de inflação do 3º trimestre deste ano, leva em conta a trajetória projetada pelo mercado financeiro para a taxa de juros e de câmbio em 2021 e 2022.

Inflação para as famílias mais pobres passa de 10% nos últimos 12 meses

BC admite que inflação vai ultrapassar a meta

Em suma, o BC disse que a chance da inflação superar o teto da meta de 5,25% para este ano passou de 74%, em junho de 2021, para 100% no documento divulgado. Dessa forma, o BC admitiu, pela 1ª vez, que a meta não deve ser cumprida em 2021.

Quando isso acontece, o BC precisa escrever uma carta pública na qual explica as razões. Vale ressaltar que o centro da meta de inflação em 2021 é de 3,75%. Pelo sistema vigente no Brasil, vai ser considerada cumprida se ficar entre 2,25% e 5,25%. Ou seja, a projeção do BC está bem acima do teto da meta.

O Conselho Monetário Nacional (CMN) é quem determina a meta da inflação. Para chegar até ela, o BC aumenta ou reduz a taxa básica de juros da economia – a taxa Selic. De acordo com o BC, o aumento da inflação em 2021 é resultado:

  • Do forte aumento dos preços de “commodities” (produtos básicos com cotação internacional, tais como os alimentos, os minérios e o petróleo, que impulsiona o preço dos combustíveis);
    Da crise energética, devido a seus efeitos nas bandeiras tarifárias, o que levou a uma nova onda de choque de custos na economia;
    Da recuperação da atividade econômica, com a aceleração da vacinação atuando para reduzir a incerteza e estimular a demanda por serviços.

Enfim, quer saber mais sobre tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal  do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: rafastockbr / Shutterstock.com

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.