Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Recebo o Bolsa Família, como me inscrevo no novo Auxílio Brasil?

De acordo com a MP, o Bolsa Família deve deixar de existir em um prazo de 90 dias

0

Na última segunda-feira (09), o presidente Bolsonaro entregou ao Congresso Nacional, a Medida Provisória (MP) que cria o novo programa social que vai tomar o lugar do Bolsa Família. Em suma, o texto não especifica o valor, nem de onde vai ser tirado os recursos para financiar o Auxílio Brasil. No caso de quem já recebia o Bolsa Família, é necessário se inscrever no novo programa? Confira abaixo. 

Auxílio Brasil deverá ter muito mais beneficiários do que o Bolsa Família

Se recebo o Bolsa Família, como me inscrevo no novo Auxílio Brasil?

O Auxílio Brasil deve se basear em 3 tipos de auxílio: O Primeira Infância, que atende famílias com até 3 anos. A Composição Familiar, para famílias com gestantes ou pessoas entre 3 e 21 anos. E o benefício de Superação da Extrema Pobreza, que se destina para as famílias em pobreza extrema.

Seja membro

O novo programa deve ainda criar a bolsa Esporte Escolar, para os alunos que se destacam em atividades esportivas. Bem como o programa de Iniciação Científica, para estudantes com bom desempenho nas competições acadêmicas e científicas. Entretanto, para saber de onde o governo vai tirar recursos para pagar esses benefícios, resta aguardar os novos pronunciamentos oficiais.

De acordo com a MP, o Bolsa Família deve deixar de existir em um prazo de 90 dias, a partir da publicação na nova lei. Ou seja, no mês de novembro, o benefício não deve existir mais. Diante disso, o governo propõe um benefício de transição para que a população atingida realize a passagem entre o velho programa e o Auxílio Brasil. 

Sendo assim, o processo de migração de quem já recebe o Bolsa Família é automático. Ainda, deve haver um Benefício Compensatório de Transição para não deixar desassistido quem sai do antigo para o novo programa social. Ademais, o benefício será concedido durante a fase de implementação do novo benefício e só deve se encerrar, quando ocorrer o aumento do valor recebido pela família. Ou ainda, até que as mesmas deixem de se enquadrar nos critérios do Auxílio Brasil. 

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: rafapress / shutterstock.com

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.