Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Bolsa Família: mais de 70% dos beneficiários são negros

Dos mais de 20 milhões de beneficiários do Bolsa Família, 73% são negros. Veja mais detalhes sobre o programa social

No mês de maio de 2024, o programa Bolsa Família, coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS), alcançou novos patamares com a inclusão de 170 mil novas famílias. Dessa forma, o número total de beneficiários subiu para 20,81 milhões em todo o território nacional, destacando a expansão e o fortalecimento do programa.

A distribuição dos recursos do Bolsa Família em maio mostra uma concentração significativa de recursos no Nordeste, confirmando a necessidade de maior atenção em regiões historicamente desfavorecidas. 

Por outro lado, a região Norte, apesar de ter menos beneficiários, apresenta o maior benefício médio por residência. Assim, esta distribuição geográfica assegura uma cobertura ampla e equitativa desse benefício vital. Veja mais detalhes!

Negros são a maioria no Bolsa Família

A diversidade é uma característica marcante do programa, atingindo uma ampla gama de grupos vulneráveis. Mulheres, majoritariamente, gerenciam os recursos recebidos, reforçando o papel crucial que desempenham na gestão financeira familiar. 

Além disso, uma grande parcela dos beneficiários é composta por pessoas de cor preta ou parda (negros), correspondendo a 73% dos beneficiários, refletindo as políticas de inclusão social promovidas pelo governo.

Veja também:
Confira como emitir o Darf para pagar o Imposto de Renda

Além do aspecto financeiro, o programa também incentiva a frequência escolar e o acompanhamento das condições de saúde dos beneficiários, contribuindo para o desenvolvimento humano e a melhoria da qualidade de vida.

Mãe, com os olhos fechados e leve sorriso, abraçando seu filho no sofá auxílio
Imagem: fizkes/ shutterstock.com

Condicionalidades do programa social

Por fim, vale lembrar que para continuar recebendo o Bolsa Família é preciso cumprir as condicionalidades do programa social, sendo elas:

  • Crianças de até 6 anos incompletos: frequência escolar mínima de 60%;
  • Crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos incompletos, que não tenham concluído a educação básica: frequência escolar mínima de 75%;
  • Gestantes: realizar acompanhamento pré-natal;
  • Crianças menores de 7 anos: fazer o acompanhamento nutricional (peso e altura) e cumprir o calendário nacional de vacinação.

Imagem: fizkes/ shutterstock.com