Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

C6 Bank: veja como a alta do IOF afeta o rotativo do cartão

Saiba mais sobre os juros rotativos do C6 Bank.

0

Um decreto do presidente Jair Bolsonaro elevou a alíquota do IOF nas operações de crédito. Diante disso, a pessoa jurídica (empresa) passa a pagar a alíquota total de 2,04% (antes era de 1,50%). Já a pessoa física vai pagar 4,08% ao invés de 3%. Em suma, além de ineficaz, essa medida só de prejudicar mais ainda a economia do Brasil, que vive tempos difíceis em virtude da pandemia. E para quem usa o rotativo do cartão de crédito, a situação deve ficar ainda pior. Por conta disso, confira como deve ficar a taxa do rotativo do cartão do C6 Bank.

Governo aumenta IOF: Decreto 10797, o que é e o que muda?

Aumento do IOF

Dentre as operações de crédito que devem passar a cobrar mais imposto, estão o cheque especial, o cartão de crédito, o crédito pessoal e os empréstimos para as empresas. A mudança deve valer até o dia 31 de dezembro. De acordo com o governo, a alta do IOF deve servir para custear o novo Bolsa Família.

Abaixo, confira os impactos da medida na economia e as simulações de como o aumento do IOF pode afetar o seu bolso.

credito-rotativo

Basicamente, o aumento do IOF encare o custo de empréstimos e financiamentos. Abaixo, confira o impacto do IOF nas principais modalidades de crédito, de acordo com a simulação do tributarista Lucas Ribeiro, CEO da ROIT:

credito-rotativo

C6 Bank: como fica o rotativo do cartão?

Quando você paga uma parte da sua fatura, você entra para o crédito rotativo. Ou seja, se você tem no mês de setembro uma fatura de R$ 1 mil no seu cartão de crédito e você não conseguir pagar o valor total, vai ter que pagar juros sobre o saldo devedor. E dessa forma, faz um “empréstimo pessoal de curto prazo”, que é chamado de crédito rotativo.

Ademais, o crédito rotativo é conhecido por ter um dos juros mais caros do mercado. Como exemplo disso, podemos citar o juro do rotativo da OMNI SA CFI, que atualmente, tem a taxa mais cara: 20,99% a.m. e 883,82 a.a.

Diante disso, a recomendação é jamais gastar mais do que você pode pagar, pois o valor que vai ter que pagar depois é muito alto. Assim, se você tem um cartão de crédito do C6 Bank e não conseguir pagar a fatura total, confira abaixo o novo valor do rotativo do cartão.

De acordo com o Banco Central, o C6 Bank cobra ao mês o juro rotativo de 11,70%. Enquanto isso, ao ano, a taxa de juros sobe para 277,16%.

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal  do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: site do C6 Bank.

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.