Se você está à procura de um cartão de crédito, é necessário levar em conta se ele oferece ou não cashback, que é aquele bônus de dinheiro de volta pelo seu gasto no cartão. Muitos dos cartões modernos oferecem esse bônus, mas alguns são melhores do que outros nesse ponto. Aqui você compara e confere se é o Nubank ou o Trigg o melhor cartão de crédito com cashback em 2020, ou seja, cartões em que você pode ganhar uma parte do seu dinheiro de volta.

É provável que você também goste:

Governo quer ampliar crédito com garantia de imóvel sem consulta ao SPC e Serasa

Brasileiro enrolado aumenta em 50% as despesas financeiras em dezembro

Descubra como apagar, bloquear e ativar o cartão virtual Nubank

Além do cashback, há outros fatores a serem levados em conta no momento de escolher entre o Nubank e o Trigg, como o valor da anuidade e o limite de gastos. Na nossa lista, classificamos esses cartões levando em consideração esses fatores também. Além disso, analisamos a estrutura de recompensa, pontuação de crédito necessária para receber cashback, melhores recursos, possíveis desvantagens, entre outros fatores.

O que é o cashback?

Cashback é um recurso presente em alguns cartões de crédito que possibilitam ao consumidor receber a devolução de parte dos seus gastos no cartão. Geralmente, é pré-estabelecida uma percentagem do valor dos seus gastos. Este valor devolvido pode ser utilizado em gastos futuros no próprio cartão ou para pagar parte da fatura atual (apagar gastos).

Diferentemente dos programas de milhas aéreas, o cashback é mais versátil, não serve apenas para a compra de um serviço (passagens aéreas), mas sim para os mais diversos produtos e serviços. Além disso, normalmente os cartões focados em milhas aéreas são de anuidade mais caras, enquanto os cartões de crédito com cashback podem até mesmo ter anuidade grátis.

Sem mais delongas, vamos descobrir qual é o melhor cartão de crédito com cashback, se é Nubank ou Trigg.

Qual dos dois é o melhor cartão de crédito com cashback?

Nubank

Provavelmente o mais famoso deste comparativo, o Nubank é praticamente um objeto de desejo de muitos brasileiros. Dentre os motivos que o tornaram tão famoso, estão a ausência de qualquer tipo de anuidade. Além disso, o Nubank apresenta vantagens exclusivas, como o controle totalmente digital pelo aplicativo no celular, aumento de limite e o programa de pontos que devolve dinheiro em forma de cashback.

Sobre o programa Rewards em si, é necessário pagar uma taxa de R$ 19 por mês ou R$ 190 por ano para participar. Entretanto, esse programa vale 1 ponto a cada R$ 1 gasto no cartão de crédito.

Os pontos podem ser usados para descontar os gastos em serviços parceiros, como Netflix, Uber, iFood, Amazon, Rappi, Ingresso Rápido, Cabify, Evino, Ingresso.com, LivUp, PetLove, Airbnb, Microsoft, Amaro, Nike, dentre outros. Também é possível usar os pontos em viagens (hotéis e passagens aéreas) e em restaurantes. Aliás, pode ser qualquer restaurante, de qualquer lugar do mundo.

Nos restaurantes, hospedagem ou serviços parceiros, a cada 100 pontos (R$ 100) você pode descontar R$1 gasto. Já para as passagens aéreas, cada R$ 80 gastos (80 pontos) você pode descontar R$1 gasto com suas passagens.

Os primeiros 30 dias são grátis, então, se você tem um Nubank, vale a pena testar, pois caso você não goste, pode cancelar quando quiser pelo aplicativo. De antemão, avisamos que o Rewards vale a pena para quem gasta mais de R$ 1.600, devido à sua taxa. Gastando mais do que esse valor, você começa a ter vantagens com a assinatura do programa.

Trigg

O Trigg também é um cartão de crédito totalmente digital, mas ele possui uma anuidade de R$ 9,90 por mês. Ainda assim, é uma excelente opção, visto que todos os clientes podem participar gratuitamente do programa de cashback deste cartão; diferentemente do Nubank, que cobra R$ 19 mensais pelo programa Rewards.

Entretanto, a quantia devolvida depende do valor da fatura mensal. Quanto mais você gasta, mais pontos você ganha, e os valores do cashback aumentam. Além disso, os pontos podem ser utilizados para pagar a fatura, independentemente de onde você faz as compras (ao contrário do Nubank, que oferece os parceiros).

Para que o cashback compense o valor pago na assinatura do programa de pontos do Nubank, é necessário gastar R$ 1.415 por mês no cartão, diferente dos R$ 1.600 necessários para pagar o Rewards do Nubank com o cashback.

  • Quem gasta até R$ 999 recebe um cashback 0,55% (até R$ 5,50 por mês).
  • Gastos entre R$ 1.000 e R$ 1.999 recebem 0,70% (até R$ 13,99 por mês)
  • Quem gasta de R$ 2.000 a R$ 2.999 recebe cashback de 0,90% (até R$ 26.99 por mês)
  • Gastos de R$ 3.000 a R$ 4.999 rendem cashback de 1% (até R$ 49,99 por mês)
  • Quem gasta mais de R$ 5.000 recebe de volta 1,3% da fatura (R$ 65 por mês ou mais)

Afinal, qual o melhor cartão de crédito com cashback: Nubank ou Trigg

Analisando ambos os cartões de crédito, podemos concluir que o Trigg é melhor para quem tem limite e gasta mais do que R$ 1.415. Com esse valor ou mais, você consegue pagar a anuidade tranquilamente com os valores ganhos no programa. No Nubank, você precisa de R$ 1600 gastos no cartão por mês para o programa compensar.

Por isso, o Trigg é, na minha opinião, o melhor cartão de crédito com cashback, pois mesmo tendo uma anuidade, os valores que podem ser recuperados são atraentes, e ele conta todas as suas compras, e não apenas em alguns parceiros.

Entretanto, para quem tem limite mais baixo, ambos não valem a pena. Mas o Nubank pelo menos dá a oportunidade de utilizar o cartão sem nenhum custo, enquanto no Trigg estamos falando de anuidade, ou seja, até mesmo o cliente que tem R$ 200 de limite precisa pagar os R$ 9,90 por mês.

Mas para quem tem gastos mais altos, como por exemplo, R$ 5 mil mensais no cartão, o Trigg também vale mais a pena. Isso porque o máximo que você vai conseguir de volta no Nubank, caso gaste R$ 5 mil de limite em passagens aéreas, é R$ 62 para descontar os gastos em passagens. Já no Trigg, independentemente do que você gastar, R$ 5 mil gastos no cartão. Esse valor vai lhe render um cashback de R$ 65, podendo descontar quaisquer gastos do seu cartão.

Então, gostou das 5 opções de cartão de crédito com cashback que vale a pena em 2020?

Então, siga o nosso canal do YouTube, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.

Imagem: redação SCD.