O site de e-commerce mais popular da América Latina deve ter seu próprio cartão de crédito no Brasil. Desde o último dia 11, a carteira digital Mercado Pago está autorizada pelo Banco Central do Brasil a emitir cartão de crédito com a bandeira do Mercado Livre. Ou seja, o Cartão de crédito Mercado Livre pode ser oficial.

Lembrando que no passado, o Mercado Livre tentou anunciou um cartão de crédito em parceria com o Banco Itaú. Havia até lista de espera, porém, o cartão de crédito digital e com a tecnologia contacless nunca chegou a ser lançado oficialmente.

Dentre as vantagens que foram prometidas, podemos citar a anuidade grátis, parcelamento em até 15 vezes sem juros no Mercado Livre e cashback (dinheiro de volta) de até 10% nas compras em lojas oficiais do ML.

É provável que você também goste:

Descubra aqui os 10 melhores filmes sobre empreendedorismo na Netflix

URGENTE: Dólar fecha máxima acima dos R$ 5 pela primeira vez na história

Cartão de crédito Mercado Livre é liberado pelo Banco Central

O Mercado Livre disse ao Jornal Valor Econômico que agora a empresa poderá explorar mais oportunidades e ampliar o seu portfólio de produtos e serviços financeiros.

Além disso, o Mercado Livre também poderá prestar serviços de pagamento pós-pago. A modalidade em que o ML vai atuar é a mesma das administradoras de cartão que não são instituições financeiras.

Como funciona o Mercado Livre

Primeiramente, para quem não sabe, o Mercado Livre é uma multinacional que atua na Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, República Dominicana, Uruguai e Venezuela. A empresa tem mais de 200 milhões de usuários. E oferece compra e venda de produtos e serviços em seu site, desde vendas empresariais como de pessoa física.

Sua plataforma de pagamentos, o Mercado Pago, é um sistema de carteira digital altamente segura. Ele permite recargas de celular, envio de dinheiro para a plataforma através de boletos, saque do saldo na conta bancária e compras em diversos sites e serviços online.

Mercado Livre e as criptomoedas

No passado a carteira digital Mercado Pago fez parte da associação que administra a criptomoeda do Facebook, a Libra Association. Entretanto, tanto o ML quanto outras empresas como Mastercard, Visa e eBay desfizeram a parceria. Ademais, o Mercado Livre fez parceria com a startup argentina Ripio, que permite aos usuários da plataforma usar o saldo do Mercado Pago para comprar criptomoedas.

Enfim, gostou da autorização do Cartão de crédito Mercado Livre?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Imagem: rafastockbr, via Shutterstock.