Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Cashback faz consumidor gastar até 5 vezes mais

0

De acordo com um relatório da Abrasce (Associação de Shopping Centers), em parceria com a Cielo, do dia 27 de dezembro, até o dia 02 de janeiro de 2022, as vendas nos shoppings diminuíram. A queda foi de 11% em relação ao mesmo período de 2019/2020.

Diante disso, a busca por estratégias diferentes para atrair os consumidores aumentou entre os varejistas. Uma delas, se trata de uma construção de programas de fidelidades através do giftback (cashback white label).

Inclusive, uma pesquisa da CRM&Bônus aponta que 20% dos clientes que ganham bônus nas compras, gastam, em média 5 vezes mais o valor recebido em uma próxima compra na loja. Ou seja, a estratégia de bonificação incentiva e eleva a recorrência nos pontos de venda online e offline. Sendo assim, confira abaixo todos os detalhes sobre o giftback.

É provável que você também goste:

Nova conta do Itaú rende igual ao Nubank e cartão dá 5% de cashback

Inter Travel: entenda como funciona e planeje suas viagens ganhando cashback

Cashback faz consumidor gastar até 5 vezes mais

Em suma, o giftback se trata de um cashback white label. Ou seja, é um “dinheiro” que só tem valor na própria marca. Em 2021, os programas CRM&Bônus geraram mais de R$ 1 bilhão em receita incremental no setor varejista. A partir disso, houve uma alta de 75% em comparação a 2020.

Além de fidelizar o consumidor, essa estratégia é um jeito do varejo escapar da sazonalidade, pois assim, é possível fazer várias ações. De acordo com Alexandre Zolko, CEO da startup, “Empresas que aderiram ao giftback nas compras realizadas no Natal, por exemplo, viram o retorno dos consumidores em janeiro, já que o período de vigência do bônus é de, no mínimo, 30 dias”.

Há vários jeitos de trabalhar o cashback, além da ativação tradicional. Uma delas, é a campanha “Indique e Ganhe”. Neste caso, funciona assim: a cada indicação, o consumidor ganha um valor para usar em uma segunda marca, independente se a pessoa indicada realizará a compra do produto ou não.

“Conhecer o cliente, ter uma base ativa e investir em CRM são fundamentais para o sucesso do setor varejista e contar com tecnologias e plataformas que permitam trabalhar junto ao consumidor de forma a ‘driblar’ sazonalidades e períodos incertos, é uma tendência absoluta”, completa o executivo.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Freepik

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar

Fechar