Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Saiba como aumentar o valor do benefício do INSS em 2022

0

Muitos não sabem, mas é possível pedir a revisão dos benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), principalmente se os aposentados e pensionistas tiverem a certeza de que estão recebendo menos do que deveriam. 

Primeiramente, é necessário solicitar a correção junto ao INSS. No entanto, muitos pedidos são negados. Dessa forma, se for o seu caso, talvez seja necessário entrar com uma ação judicial.

É provável que você também goste:

 INSS: consulta à 2ª parcela do 13º salário já está liberada. Veja como fazer

Quais as regras para se tornar um segurado especial do INSS?

O que pode cancelar o seu benefício do INSS?

Valor do benefício do INSS

O pedido de revisão vem como uma alternativa de retificação dos valores. Para isso, é importante ter todos os documentos da época da aposentadoria para facilitar o processo, como a carteira de trabalho e uma carta com os motivos do pedido de revisão.

Se você deseja entrar com o pedido de revisão do benefício do INSS, entenda que é preciso ter a certeza de que o valor será reajustado para cima. Caso contrário, você pode ficar no prejuízo.

Por conta das alterações nas leis previdenciárias ao longo dos anos, o instituto pode errar o cálculo dos benefícios, e muitas vezes os segurados não percebem isso. 

Isso é necessário para provar o tempo de recolhimento e a necessidade de aumento no valor do benefício do INSS. Inclusive, há casos em que as revisões resultaram em aumentos de até 50%.

Tipos de pedidos de revisão

Ao todo, são 15 formas de aumentar o valor pago pelo INSS, sendo que cada uma delas exige uma documentação diferente. De acordo com a instituição, em algumas situações o prazo máximo para solicitar a revisão é de 10 anos depois do primeiro  pagamento do benefício.

Confira alguns dos principais tipos revisão dos benefícios do INSS abaixo: 

  • Por tempo de contribuição; 
  • Reajuste do salário mínimo; 
  • Revisão do buraco negro; 
  • Reajuste do teto; 
  • Reajuste da vida inteira; 
  • Recolhimento em atraso.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: insta_photos / Shutterstock.com

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar

Fechar