Diante da crise por conta da pandemia do novo coronavírus, as ofertas de crédito destinadas ao publico MEI (Microempreendedor Individual) aumentaram consideravelmente, principalmente porque as empresas de pequeno porte estão sem capital de giro, principalmente pelo fechamento do comercio e isolamento social. Dessa forma, o crédito se tornou uma grande apoio ao publico empreendedor. Com esse cenário de dúvidas e incertezas, o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômica e Social) tem se tornado uma ótima opção para o microempreendedor que procura serviços como empréstimos ou ainda cartão de crédito. O BNDES disponibiliza opções com taxas de juros mais baixas e tem como objetivo ajudar no financiamento a médio e longo prazo. Saiba como solicitar o cartão BNDES para MEI.

É provável que você também goste:

Conta do C6 Bank agora rende mais que o Nubank, oferecendo CDB com liquidez diária de até 104% do CDI

Nubank dá 7 dicas para aumentar o limite do cartão de crédito

Eu Me Banco lançará franquias e anuncia nova sede em Florianópolis

Como solicitar o cartão BNDES para MEI, com parcelamento da fatura em até 48 vezes

Primeiramente, cabe ressaltar que o BNDES oferece o cartão de crédito destinado também ao publico MEI. O cartão possui taxas de juros que chegam a 1,05% ao mês, com parcelamento da fatura em até 48 vezes.

Quem pode solicitar o cartão BNDES?

O cartão BNDES é voltado especificamente ao publico MEI. Ou seja, empreendedores que tenham um faturamento anual de até R$ 81 mil ou uma média de R$ 6.750 por mês ao longo dos doze meses. É preciso também estar com toda a documentação em dia e no momento da solicitação ter uma residência fixa no país. É importante também que o cartão não seja utilizado para despesas pessoais, o cartão deve ser de uso exclusivamente pela empresa.

Principais vantagens

O cartão BNDES tem uma das menores taxas de juros, de apenas 1,05% no últimos dois meses. Dessa forma, a modalidade se torna uma excelente opção para os pequenos empresários que procuram um apoio financeiro mais barato e viável.

Todavia, o cartão deve ser destinado somente para as despesas da empresa, sendo elas feitas por compras diretas (por meio de uma conta online feita pelo titular do cartão no Portal do BNDES), ou ainda por meio de compras indiretas (para as negociações, realizadas com fornecedores, que deve incluir a transação no portal o cartão do BNDES).

A data de vencimento ocorre sempre a cada 15 dias e a forma de pagamento é feita via débito automático na conta corrente do microempreendedor, na mesma que é informada no no processo de solicitação do cartão.

Como solicitar o cartão BNDES para MEI

Para conseguir acesso ao cartão BNDES o primeiro passo é ter uma conta corrente em algum destes bancos:

  • Banco do Brasil
  • Banco do Nordeste
  • Banrisul
  • Banestes
  • Bradesco
  • BRDE
  • Caixa Econômica Federal
  • Itaú
  • Sicoob
  • Sicredi

O segundo passo é acessar o site do BNDES e clicar na opção “Solicite seu Cartão”, em seguida preencher um formulário, que solicitará informações como o CNPJ e a Classificação nacional de Atividades Econômicas (CNAE). Por fim, selecione o banco ao qual será vinculado o cartão (algum dos citados à cima) e por fim, faz-se o envio da proposta.

Após o processo de solicitação o empresário deverá comparecer a agência do banco ao qual foi informado no ato da solicitação e apresentar os seguintes documentos:

1- Certidão Negativa de Débitos relativos a Créditos Tributários Federais e à Dívida Ativa da União (CND) ou Certidão Positiva com Efeitos de Negativa de Débitos relativos a Créditos Tributários Federais e à Dívida Ativa da União (CPEN), expedida conjuntamente pela Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB) e pela Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) (www.receita.fazenda.gov.br).

2- Certificado de Regularidade do FGTS (www.caixa.gov.br).

3- Comprovação de Regularidade quanto à entrega da RAIS.

4- Declaração na qual ateste, em síntese, estar com a sua situação regularizada perante os órgãos públicos e a legislação pertinentes, conforme modelo disponível no menu “Regras” do site do Cartão BNDES (www.cartaobndes.gov.br).

Caso a documentação citada não for necessária, a instituição bancária escolhida pelo microempreendedor terá o prazo de até 30 dias para enviar o cartão de crédito ao endereço que você preencheu no formulário de requerimento.

Atenção! Caso sua solicitação não seja aprovada, será possível realizar uma nova solicitação para outra instituição bancaria listada a cima que você tenha conta corrente, tendo em vista que as políticas de concessão de crédito podem variar de banco para banco.

Enfim, gostou da nossa matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Fonte: Jornal Contábil

Imagem: Photocarioca via shutterstock

Sobre o Autor

Eduardo Mendes

Cofundador

Sou um entusiasta da tecnologia, que também aprecia inovação, empreendedorismo, além de Fintechs e as suas facilidades. Graduado em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. CoFundador do site Seu Crédito Digital.

Ver todos os artigos