Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Confira como utilizar o Gov.br na declaração do Imposto de Renda e economizar tempo

Aqueles que possuem conta no gov.br economizam tempo na hora de entregar a declaração do Imposto de Renda. Confira!

Na próxima sexta-feira (15), tem início o prazo para a entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2024. Dessa forma, para economizar tempo e diminuir as chances de cair na malha fina, os contribuintes podem utilizar a declaração pré-preenchida.

À vista disso, essa modalidade de declaração beneficia os contribuintes economizando tempo, pois muitos campos já vêm preenchidos. Assim, os contribuintes então precisam apenas completar as informações faltantes, revisar os dados já preenchidos e corrigir eventuais erros encontrados.

Conta no Gov.br

No entanto, para acessar a declaração pré-preenchida do Imposto de Renda, é preciso ter uma conta Gov.br de nível prata ou ouro. De acordo com a Receita Federal, em 2023, 68,6% dos declarantes possuíam contas nestes níveis, percentual que chegou a 75,2% neste ano.

Portanto, para criar uma conta Gov.br, basta baixar o aplicativo Gov.br (disponível para Android e iOS) e iniciar o processo de criação de conta inserindo seu CPF. Então, após o cadastro inicial, a conta fica no nível bronze, que não permite o acesso à declaração pré-preenchida.

Assim, para aumentar o nível da conta para prata, o usuário precisa realizar a biometria facial mediante apresentação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), ser servidor público federal, ou fazer o login através do seu banco, caso a instituição seja uma das credenciadas.

Site gov.br aberto e uma lupa no nome "gov.br", com letras em azul, amarelo e verde.
Imagem: rafapress / shutterstock.com

Simplificando o Imposto de Renda

Já para a obtenção do nível ouro é preciso realizar o reconhecimento facial com base nos dados da Justiça Eleitoral, através do QR Code da Carteira de Identidade Nacional (CIN), ou por meio de um Certificado Digital.

Veja também:

INSS irá entrar em contato com segurados para participarem do mutirão; saiba mais

Enfim, é importante que além de oferecer essa simplificação na entrega da declaração do Imposto de Renda, a declaração pré-preenchida garante prioridade no pagamento da restituição. Dessa forma, a tendência é que cada vez mais contribuintes optem por esse modelo.

Imagem: rafapress / Shutterstock.com