Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Conheça as várias opções de investimentos com liquidez diária

0

Os investimentos com liquidez diária são fundamentais para objetivos de curto e médio prazo. Também se configuram como uma ótima opção para criar uma reserva de emergência, já que é possível transformar um ativo financeiro em dinheiro no mesmo dia que o investidor solicita o resgate. 

Quando se fala em investimento, a reserva de emergência é essencial para obter resultados. É recomendado que a quantia seja equivalente a pelo menos seis meses do custo de vida e permaneça aplicada em ativos com alta liquidez. 

Com a reserva, você fica livre do risco de ter que resgatar aplicações que têm um resgate mais demorado. Dessa forma, a liquidez diária permite uma maior flexibilidade para quem investe, por isso, é importante saber onde e como aplicar o montante reservado.

Veja abaixo as opções de investimento com liquidez diária e escolha a que se encaixa melhor no seu perfil. 

Caderneta de poupança 

A caderneta de poupança é uma das ferramentas mais antigas usadas para investimentos. Ainda escolhida por muitos brasileiros, a caderneta traz um manejo simples, isento de taxas e impostos e possui acesso fácil e imediato. Inclusive aos fins de semana no caixa eletrônico. 

No entanto, um detalhe que muitos não se atentam é na data de aniversário do investimento. Apesar de ter liquidez diária, a caderneta de poupança não possui rentabilidade diária.  Os valores rendem de 30 em 30 dias. Portanto, não há tanta flexibilidade nesta ferramenta. 

Devido ao aumento da Selic (9,25%), a caderneta prevê um retorno de 6,17% ao ano, equivalente a 0,5% ao mês. Anteriormente, a porcentagem correspondia a 70% da taxa básica (Selic)  mais a variação da TR (no momento, equivalente a zero). 

CDBs

Os CDBs estão em alta na área de investimentos de renda fixa. O recurso trabalha com operações de crédito em que o comprador de título empresta dinheiro a uma instituição financeira por um prazo definido.

Os prazos variam entre meses e anos. Os mais utilizados são os de 2, 3 e 5 anos ou os que têm liquidez diária. Neste caso, o investidor tem menos chance de sofrer uma penalidade ou ter o resgate negado se precisar usar o dinheiro antes do vencimento. 

Os CDBs com liquidez diária são do tipo pós-fixado, ligado ao CDI e costumam pagar 100% do CDI. Não é muito quando comparado aos demais, mas traz a flexibilidade de poder resgatar a qualquer momento. 

Outra opção são os CDBs curtos, que chegam a pagar até 200% do CDI. Não acompanha liquidez diária, mas o investidor tem chances de receber um retorno maior. 

Contas remuneradas 

As contas remuneradas trabalham de uma maneira mais convencional. Oferecidas por fintechs, elas trazem uma rentabilidade nos valores depositados a partir do segundo dia. 

No entanto, é preciso lembrar que essas contas são tributadas. Quase todo tipo de investimento há incidência de IR e resgates antes de 30 dias pagam IOF. 

Quanto aos valores da rentabilidade, é necessário pesquisar bem, pois algumas contas remuneradas não chegam a pagar 30% da taxa Selic. 

Fundos de investimento 

Boa parte dos fundos de investimentos possuem liquidez diária, mas nem todos. Conforme for crescendo a complexidade da estrutura e o risco do fundo, o número de dias de espera para receber o dinheiro também aumenta a partir da ordem D+1, D+15, D+30… e assim por diante. 

Diante disso, é preciso analisar alguns pontos antes de aplicar o dinheiro. Por não ser um investimento fácil de entender, especialistas não aconselham investir em fundos simples. Eles o consideram como conservadores, com baixo risco e volatilidade e trazem uma taxa de rendimento de 2%, menor que a caderneta de poupança. 

Existe uma variedade quanto ao pagamento dos fundos de investimento. Assim como há quatro classes de fundo, há também várias estratégias de rentabilidade. Os que possuem liquidez diária tem risco médio para alto e o potencial de retorno é condizente com esse risco. 

Contudo, se a intenção for investir na liquidez diária, é preciso entender que o retorno será na “média” do mercado. 

Tesouro Direto 

O Tesouro Direto é uma plataforma que disponibiliza títulos públicos com liquidez diária imediata se você resgatar a quantia antes das 13 horas. Após esse período, o resgate estará disponível na sua conta no próximo dia útil. 

Este ano, a taxa de custódia cobrada pela B3 foi reduzida de 0,25% para 0,20%. A taxa é isenta para valores de até R$ 10 mil em tesouro Selic. Vale ressaltar, que há incidência de IR e IOF nos ganhos.

Referente aos pagamentos, as taxas oferecidas variam diariamente. Neste caso, é possível consultá-las através do site

Dessa forma, tome cuidado. Por mais que os títulos do Tesouro Direto tenham liquidez diária, não significa que você possa vendê-los a qualquer momento.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: TH2I Shutter Rich / shutterstock.com

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar