Muitas pessoas ao buscarem um empréstimo são surpreendidas ao saber que seu nome está no Serasa ou SPC. Isso se deve a presença de inadimplências constatadas no momento da consulta do CPF.
Agora, imagine a seguinte situação. Você tem um banco, e um determinado indivíduo solicita um crédito pessoal. Ao consultar o histórico deste consumidor, é surpreendido com diversas dívidas! Acha que é viável fornecer um crédito a ele? Obviamente, não. Não é seguro para nenhum banco ou financeira conceder crédito a pessoas com nome sujo, pois, não há nenhuma garantia que estes irão pagar a dívida.
Portanto, fique atento a qualquer oportunidade de crédito pessoal para negativados, pois pode se tratar de um golpe!

Leia também:

5 dicas para viajar economizando no cartão de crédito neste verão

Comece 2019 sem aperto com Olé Consignado, sem consulta ao SPC e Serasa

Crédito pessoal para negativados no SPC e Serasa, será possível?

O que pode acontecer?

Principalmente na Internet, existem diversos anúncios com propostas perfeitas de crédito para negativados, que não contam com consulta de CPF e de brinde oferecem baixíssimos juros. Muito cuidado, pois com certeza se trata de um golpe! Oferecer este tipo de empréstimo não é vantajoso para nenhuma empresa. E, a fraude pode ser facilmente percebida quando a instituição não for conhecida, ou ainda, forem solicitados “seguros” para a realização da transação.

Para o suposto “seguro”, é solicitado que faça um depósito de valor relativamente alto (por exemplo, R$ 1000,00) para que você tenha o crédito em sua conta. Isso não existe, então pode ter certeza que se trata de um golpe!

Mas, existe alguma saída para negativados?

Calma, se você está com o nome sujo, nem tudo está perdido! Existem possibilidades de empréstimo sem consulta de CPF, de instituições renomadas e confiáveis. O que acontece é que a forma com que o empréstimo é realizado acaba sendo um pouco diferente.

Dentre as opções, tem-se:

  • Crédito consignado: reservado para funcionários públicos, assalariados, pensionistas ou aposentados. Neste caso, a parcela mensal é descontada do salário.
  • Crédito com garantia: no momento do empréstimo, você irá penhorar seus bens, pois, caso não pague as parcelas, o banco terá uma garantia para não sair perdendo.

Portanto, nestas situações, busque instituições financeiras confiáveis, e informe-se sobre as opções disponíveis para a sua situação. Também, tome cuidado com os altos juros que podem ser cobrados!

Dica

Uma dica é aproveitar as facilidades da fintech Bom Pra Crédito. Através de um cadastro no site, e de acordo com o seu perfil de crédito, você será direcionado para empresas que querem emprestar, entre os parceiros daquela instituição. Ademais, existem várias modalidades de empréstimo, que vão desde o empréstimo pessoal, consignado, ou com garantia de imóvel ou veículo.

E então, gostou do artigo?

Nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Acompanhe todas as notícias e artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.