Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Como saber se os seus dados do Banco Inter foram vazados

4

Recentemente, o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), via Comissão de Proteção dos Dados Pessoais, moveu uma ação civil pública por danos morais coletivos contra o Banco Inter. A ação pede a condenação do banco ao pagamento de R$ 10 milhões, por não ter tomado os devidos cuidados para que garantisse a segurança dos dados pessoais dos clientes e não clientes (dados de 4.840 clientes de outros bancos que fizeram transações com usuário do Banco Inter também foram comprometidas). Veja, logo abaixo, como saber se os seus dados do Banco Inter foram vazados.

Leia também:

Vazou! Dados de 264 mil clientes da Atlas Quantum são expostos na rede [URGENTE].

Cartão pré-pago de saúde dá descontos em exames, consultas e compra de remédios.

Seja membro

Banco Inter segue negando vazamentos de dados dos clientes.

O MPDFT validou quase 20 mil nomes de pessoas que tiveram informações vazadas. Dados como número de conta, senha, endereço, CPF e telefone estavam sendo circulados pela internet.

Embora o BC confirme o vazamento, o Inter segue negando e se recusa a comentar o caso para a imprensa.

Como saber se você teve os seu dados do Banco Inter vazados

Várias pessoas, portanto, estão preocupadas e querem descobrir se os seus dados foram vazados. Mas para isso, você deve, de acordo com o Banco Central, procurar o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) do Banco Inter e pedir informações sobre isso.

Vale ressaltar que, segundo o GizBR, “as normas do Conselho Monetário Nacional indicam que as instituições financeiras são obrigadas a comunicar ao Banco Central os incidentes relevantes que configurem uma situação de crise – o que inclui casos de vazamentos. No entanto, não existe uma regra do Conselho Monetário Nacional ou do Banco Central que obrigue a instituição financeira a notificar tais incidentes aos clientes. É por isso que o Banco Inter não notificou ninguém, a não ser o próprio BC”.

Se for necessário, além de procurar o SAC, você deve falar com a Ouvidoria do Banco Inter.

É possível, também, registrar reclamações no Banco Central do Brasil. “Todos os protestos recebidos são encaminhados para as instituições financeiras e o BC verifica se os clientes receberam a resposta. De acordo com o órgão, essas reclamações podem contribuir no processo de regulação e fiscalização do sistema financeiro”, adiciona.

Para registrar uma reclamação no BC, clique aqui.

“A negligência do Banco Inter só é possível porque o Brasil ainda não possui uma legislação que trate sobre a privacidade e tratamento de dados pessoais. O PLC (Projeto de Lei da Câmara) 53/2018, que define regras para esses casos, já foi aprovado pelo Congresso em julho e aguarda a sanção presidencial”, conclui o GizBR.

Existe alguma outra forma de ver se os seus dados do Banco Inter foram vazados?

Além disso, é importante mencionar que os dados vazados estavam sendo negociados livremente na chamada “Deep Web” ou “Web Profunda”.

Pesquise no site Have i Been Pwned

Se os dados estão circulando na internet, provavelmente o site Have i Been Pwned atualizará a base de dados.

Se previna

É importante você tomar algumas medidas para tornar a sua conta mais segura, mesmo que os seus dados tenham sido vazados. Portanto, faça os seguintes procedimentos:

1-Altere a senha do cartão;
2- Altere a senha para acesso do App;
3- Alterar a senha do seu e-mail para ter uma garantia maior. (Opcional).

Gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Para acompanhar os artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto das fintechs.

Fonte: Gizmodo.

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.