Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Dólar em queda e patamar já é o mais baixo desde dezembro

Patamar já é o mais baixo desde dezembro.

0

Logo depois do anúncio do Banco Central (Bacen) sobre o aumento da taxa de juros em 0,75%, com a sinalização de que esses reajustes continuarão acontecendo, imediatamente o mercado respondeu e o dólar atingiu o patamar mais baixo desde dezembro do ano passado, chegando hoje (10/05) no preço de R$ 5,20. 

É provável que você goste também

Banco Inter enfrenta instabilidade no pagamento de boletos

Confira tendências do varejo de cartões de crédito, carteiras digitais e cashback

Confira os cartões com as maiores e menores anuidades!

Dólar continua em queda

Apesar disso, a política monetária do Bacen no último ano foi marcada pela queda acentuada da taxa de juros base da economia (taxa Selic). Como resultado, no começo de maio tivemos, pela primeira vez desde a criação do plano real, uma taxa de juros negativa. Isto é, a taxa de juros base era menor do que a inflação acumulada no mesmo período. 

Com as questões domésticas, a crença de que o banco central americano (FED) manterá a injeção de crédito na economia e a taxa de juros em patamares constantes contribuíram para uma queda global da moeda norte-americana.  

Nesse sentido, apenas tal desvalorização do dólar já refletiria no valor do real, que foi impulsionado ainda mais pelas medidas protetivas do Bacen, que nos últimos meses vinha mostrando uma política mais frouxa em relação ao valor de sua moeda.  

Simultaneamente, a política adotada pelo FED ajuda a recuperar uma depreciação acentuada do real em relação à moeda global, fenômeno que vinha acontecendo nos últimos meses. Nesse meio tempo, a moeda sul-americana foi uma das que mais teve seu valor depreciado, figurando no top 6 das mais afetadas do mundo. 

Por fim, devemos esperar o posicionamento a longo prazo do Bacen, bem como esperar as medidas do FED. Todavia, tudo indica que o Real deve se valorizar ainda mais frente ao dólar nos próximos meses. Agora, portanto, parece ser a hora de recuperar o espaçamento de juros e moeda que se fez presente na comparação entre as duas moedas e suas economias.  

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então é só seguir o Seu Crédito Digital no YouTubeFacebookTwitterInstagram e Twitch. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos etc. Siga a gente para saber mais!

imagem: 1599686sv / shutterstock.com

- Publicidade -

Comentários
Carregando...