Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

R$ 24,5 bi esquecidos no PIS: Descubra se você tem direito ao dinheiro 

0

Você sabia que existem R$ 24,5 bilhões esquecidos no PIS? Esse dinheiro, parado no banco, provêm de duas fontes: cotas do PIS/PASEP e o abono salarial – também do PIS/Pasep. O prazo para os brasileiros sacarem o valor pendente difere: enquanto o prazo das cotas se encerra em maio de 2025, por outro lado, o prazo do abono termina no fim deste mês de junho. 

É provável que você também goste:

Dia dos Namorados: confira promoções do Bitz do Bradesco e C6 Bank

Pela primeira vez em 7 anos, fundos de pensão fecham com superávit

Nubank deve focar em IPO e em sua expansão internacional

R$ 24,5 bi esquecidos no PIS: Descubra se você tem direito ao dinheiro 

O que difere os dois pagamentos? As cotas do PIS/Pasep podem ser sacadas, pelo brasileiro que trabalhou em empresas e órgãos públicos, entre 1971 até 1988. Em caso de morte do cotista, os herdeiros podem sacar o valor na Caixa Econômica Federal. 

Por outro lado, o abono salarial é pago para a pessoa que trabalhou com carteira assinada, ou como funcionário público no ano anterior. Dessa forma, para ter acesso ao valor, é necessário preencher requisitos, como ter recebido me média até dois salários mínimos por mês. O valor do abono é de até um salário mínimo (R$ 1.100, em 2021). Ele muda de acordo com o tempo que a pessoa trabalhou. 

Dos R$ 24,5 bilhões esquecidos no PIS, R$ 22,8 bilhões referem-se a cotas do extinto fundo PIS/Pasep, repassados ao FGTS. Já R$ 1,2 bilhão, são recursos do abono salarial não sacados em outros anos. Por fim, R$ 448,4 milhões referem-se ao abono salarial do atual calendário.

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: rafapress/shutterstock.com

- Publicidade -

Comentários
Carregando...