Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Está negativado? Veja como conseguir empréstimo mesmo assim

Saiba quais são as opções de empréstimo para quem está negativo e confira dicas para escolher a melhor opção!

Ter o nome registrado nos órgãos de proteção ao crédito pode ser um grande obstáculo na momento de contratar serviços financeiros. Porém, mesmo com restrições, existem opções específicas de empréstimo destinadas a quem está nesta situação.

Dessa forma, saiba mais informações sobre as alternativas de empréstimos para indivíduos negativados, explorando suas características, vantagens e precauções necessárias. Continue a leitura!

O que são empréstimos para negativados?

empréstimo para negativado
Imagem: Basicdog / shutterstock.com

Os empréstimos para negativados são créditos especialmente desenvolvidos para quem possui registros nos serviços de proteção ao crédito como SPC e Serasa. Esses produtos financeiros geralmente possuem condições diferenciadas, visto que as instituições as consideram operações de risco elevado.

Ademais, contratar um empréstimo quando se está negativado não difere muito dos procedimentos comuns de empréstimo, mas com algumas especificidades. A principal característica é o custo mais alto do crédito, refletido nas taxas de juros elevadas.

Logo, as instituições utilizam essas taxas para mitigar os riscos associados ao não pagamento. Entre os principais tipos de empréstimos para negativados, estão:

  • Empréstimo consignado: uma opção atrativa devido às suas taxas de juros mais acessíveis, sendo as parcelas descontadas diretamente na folha de pagamento. Disponível para funcionários de algumas empresas privadas, servidores públicos, pensionistas e aposentados do INSS;
  • Empréstimo com garantia: neste caso, o solicitante pode oferecer um bem, como um imóvel ou veículo, como garantia de pagamento do empréstimo. As taxas de juros são reduzidas, porém o risco é a possibilidade de perder o bem em caso de inadimplência;
  • Empréstimo pessoal para negativados: disponível em algumas instituições financeiras que aceitam risco maior, permite flexibilidade no uso do dinheiro, com juros mais altos e análise criteriosa;
  • Empréstimo com penhor: exige um bem de valor como garantia (joias, eletrônicos), em que o montante disponibilizado depende do valor avaliado do item penhorado;

Quais são os cuidados a se tomar?

Antes de contratar um empréstimo estando negativado, deve-se realizar uma pesquisa detalhada. Compare os juros, as modalidades, condições de pagamento e a credibilidade das instituições financeiras. Também é importante ler todos os termos do contrato atentamente para entender todas as clausulas e, assim, evitar armadilhas e dívidas impagáveis.

Planificar o reembolso do empréstimo também é uma parte vital do processo. Organize seu orçamento para assegurar que as parcelas estarão dentro de sua capacidade de pagamento.

Veja também:

Bloqueios no Bolsa Família: você pode perder o direito ao auxílio

Avalie também outras alternativas para habilitação de créditos ou renegociação de dívidas antes de se comprometer com um novo empréstimo. Por fim, a decisão requer reflexão e cuidado para que a solução não se transforme em mais um problema.

Imagem: Basicdog / shutterstock.com