Caixa anuncia novo modelo de financiamento imobiliário

0

Recentemente, o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, anunciou uma nova linha de financiamento imobiliário. Assim, esse novo método vai funcionar a partir de uma correção pela poupança. Ou seja, os juros serão menores que os empréstimos tradicionais. A ideia de aderir à modalidade veio logo após a adesão de outros bancos concorrentes ao modelo, então essa é uma forma da Caixa se manter competitiva no setor. A seguir, entenda como funciona esse novo modelo de financiamento imobiliário e por que ele é vantajoso.

É provável que você também goste:

Santander 1|2|3 vale a pena? Quais as vantagens e benefícios?

Rendimento da poupança HOJE: tudo o que você precisa saber

De novo? Sistemas da CEF e Caixa Tem estão fora do ar nesta terça (10)

Entenda o novo modelo de financiamento imobiliário da Caixa

Você provavelmente sabe que, atualmente, a taxa Selic se encontra no valor de 2% ao ano, com rendimento mensal da poupança entre 0,11% e 0,12%. Assim, a poupança representa 70% da Selic, com um rendimento anual no valor de 1,40%. Ou seja, essa modalidade pode apresentar algum risco para os clientes que aderirem a ela. Isso porque, caso a Selic aumente no futuro, você terá um impacto direto no valor a ser pago. 

Assim, como financiamentos imobiliários costumam ter duração mais longa, o valor atual pode indicar economia no curto prazo, mas também pode ser uma jogada arriscada em um longo prazo. 

Qual financiamento imobiliário vale mais a pena hoje?

Então, qual seria o melhor financiamento imobiliário atualmente? No caso das linhas de crédito da Caixa, uma delas é a atrelada à inflação, com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo. Nesse caso, as taxas de juros são de 2,95% a 4,95% ao ano. Essa linha é indicada no caso da aquisição de imóvel novo ou usado, com prazo de até 360 meses para quitar o pagamento. 

Já a segunda linha existente é a indexada à Taxa Referencial (TR). Com ela, os juros presentes são de 6,50% a 8,50% ao ano, e o pagamento pode ser feio em até 420 meses.

Por fim, temos a linha com taxas de juros prefixadas, com uma variação de 8,00% a 9,75% ao ano. Essa linha pode ser usada para imóvel novo ou usado, e o limite para o pagamento é de 360 meses.

Então, gostou da notícia?

Então, nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o FacebookTwitterTwitch e Instagram. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de créditoempréstimos etc.

Imagem: Kanjana Kawfang / Shutterstock

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar