Nesta quinta-feira, 21, a Olivia, startup que está trazendo para o Brasil a mais nova assistente financeira, lança e abre inscrições para sua rede de Embaixadores. O grupo será formado por usuários do app que quiserem ajudar amigos e conhecidos a terem uma saúde financeira melhor, possibilitando, ainda, o ganho de uma renda extra baseada no número de pessoas convidadas a conhecerem a Olivia. Atualmente, a fintech roda a versão beta do seu app no Brasil e já conta com uma lista de espera de 30 mil interessados. O aplicativo traz uma assistente financeira virtual que auxilia seus usuários a gastarem melhor seu salário e terminarem o mês no azul. O lançamento oficial da plataforma está previsto para janeiro de 2020.

É provável que você também goste:

PicPay se prepara para competir com Nubank e libera saques de graça na Rede Banco24Horas

Fintech Olivia lança programa que visa gerar renda extra a seus usuários

Para tornar-se um Embaixador da Olivia, os interessados devem se candidatar preenchendo um formulário no próprio site da plataforma. Não há pré-requisitos definidos: qualquer pessoa poderá ser um Embaixador, independente da formação ou profissão. Nesta primeira fase, as inscrições deverão ser realizadas até o meio-dia do dia 28.

No dia 29 de novembro, a equipe da Olivia promove um webinar, uma conferência virtual de formação para os inscritos. Na ocasião, o time fará uma apresentação institucional da fintech, falará do propósito e da missão da empresa, além de dividir com os usuários uma espécie de tutorial voltado para as finanças pessoais. Trata-se de uma classificação desenvolvida pela própria Olivia, que entrega dicas financeiras de acordo com o atual estágio do indivíduo.

Há orientações tanto para os endividados, que têm usado o cheque especial, como também para aqueles que vivem no limite — não se endividam, mas também não conseguem poupar. Aqueles que economizam e são capazes, inclusive, de investir, também são contemplados pela classificação. Sempre há pontos a melhorar. Ciente das várias faixas existentes, o futuro Embaixador conseguirá compreender qual o status da saúde financeira de seu interlocutor e assim lhe dar dicas de como melhorá-la.

Ajuda nas finanças pessoais

“Queremos dar a nossos usuários as bases que precisam para equilibrarem suas contas e, ainda, possibilitar a eles um domínio maior sobre finanças pessoais. O programa de Embaixadores surge como uma ferramenta de empoderamento: todos podem ajudar seus conhecidos a viverem melhor com o dinheiro que têm e com menos estresse financeiro”, afirma Lucas Moraes, cofundador da Olivia.

A partir da formação, além do acesso direto ao aplicativo, cada Embaixador terá um link único, que poderá ser compartilhado com sua rede de contatos. Para cada usuário que se cadastrar na plataforma, serão R$ 8 reais destinados ao Embaixador que o convidou. Não há limite de recomendações, nem tampouco um teto para recompensas. Depois de 100 indicações, os Embaixadores ainda podem ganhar um pagamento extra de R$ 100 como bônus.

Nesta primeira fase, serão contabilizadas as indicações realizadas entre 1º e 15 de dezembro. O programa de remuneração, entretanto, deve se estender com o intuito de atrair novos embaixadores e manter os já inscritos. Cada fase terá prêmios e incentivos específicos.

Sobre a Olivia

Fundada em 2016, nos Estados Unidos, pelos brasileiros Lucas Moraes e Cristiano Oliveira, a Olivia nasceu com a missão de diminuir o estresse financeiro e esticar o salário das pessoas. Ela usa inteligência artificial e economia comportamental para analisar os gastos dos usuários, prever quais serão suas próximas despesas, e então lhes dar dicas sobre como gastar melhor ou economizar.

Desde o início deste ano, sua tecnologia vem sendo testada e utilizada no Brasil, inclusive por plataformas de parceiros como XP e Banco Votorantim. Até hoje, mais de 500 mil pessoas já tiveram acesso à plataforma da Olivia.

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.