Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Governo oferece oportunidade de trabalho para inscritos no CadÚnico com salário de R$ 1.412

As oportunidades de trabalho serão destinadas aos cidadãos brasileiros de baixa renda inscritos no CadÚnico. Saiba mais!

Recentemente, o governo federal firmou uma parceria com a Prefeitura de Belford Roxo, no Rio de Janeiro, para oferecer oportunidades de emprego aos inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) que não possuem vínculo formal de trabalho. 

Dessa forma, as oportunidades de trabalho serão destinadas aos cidadãos brasileiros de baixa renda inscritos no CadÚnico, que tenham renda familiar mensal de até um quarto do salário mínimo (R$ 353) por pessoa.

Veja também:

Governo estabelece plano de ação para fiscalização do Bolsa Família e CadÚnico; confira

Suporte aos inscritos no CadÚnico

Na última semana, o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS) assinou o protocolo de intenções da iniciativa. Assim, entre os principais objetivos desse projeto estão:

  • Criação de oportunidades de trabalho
  • Fomento do empreendedorismo; e
  • Qualificação profissional para os cidadãos inscritos no CadÚnico. 

Além disso, o programa contará com o suporte das lideranças evangélicas de Belford Roxo. Dessa forma, espera-se que, com o novo benefício, os inscritos no CadÚnico tenham a oportunidade de participar de programas de treinamento para ampliar a empregabilidade desses cidadãos.

Imagem de celular mostrando tela inicial do aplicativo CadÚnico
Imagem: Sidney de Almeida / shutterstock.com

Quem pode integrar o CadÚnico para ter acesso ao benefício

Por fim, confira os requisitos para fazer parte do CadÚnico e ter acesso a diversos benefícios assistenciais oferecidos pelo governo federal:

  • Ter renda familiar mensal de até meio salário mínimo (R$ 706,00) por pessoa;
  • Ter renda familiar mensal total de até três salários mínimos (R$ 4.236,00);
  • Ter renda familiar mensal maior que três salários mínimos, contanto que estejam o cadastro vinculado à inclusão em programas sociais nas três esferas do governo;
  • Constituir famílias unipessoal, isto é, pessoas que moram sozinhas;
  • Viver em situação de rua — sozinho ou com a família.

Por fim, clique aqui e confira a quais benefícios sociais o CadÚnico dá acesso e como se inscrever.

Imagem: Sidney de Almeida / shutterstock.com