Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Startup Grana Capital lança rodada de investimentos a partir de R$ 3 mil

Os investidores podem fazer aportes em troca de participação em empresas.

0

A startup Grana Capital lançou na última segunda-feira (21) uma rodada de investimentos. Ele vai funcionar a partir de um financiamento coletivo, no qual os investidores podem fazer aporte em troca de participação em empresas. As aplicações ao público geral são de no mínimo de R$ 3 mil. A empresa espera captar R$ 5 milhões. 

É provável que você goste também:

Participe da promoção Player Get Player do BB Game Series, com prêmios de até R$ 12 mil

Nome sujo na praça? Veja dicas para deixar de ser negativado

Santander cria um fundo com foco em inovação e tendências futuras

Startup Grana Capital lança rodada de investimentos a partir de R$ 3 mil

Os aportes podem ser realizados pela plataforma SMU, registrada na CVM. A mesma tem autorização para fazer esse tipo de investimento, classificado como renda variável e de alto risco. 

A Grana Capital criou um aplicativo que importa todas as transações do usuário na B3 (bolsa brasileira) para o seu sistema. Dessa forma, executa de maneira automatizada o cálculo, pagamento, bem como a declaração do imposto de renda.  

O app possui mais de 20 mil usuários ativos e entregou mais de 13 mil relatórios de declaração de imposto de renda entre março e maio de 2021. De acordo com André Kelmanson, presidente da Grana Capital:

Investidores novatos na B3 geralmente são pegos de surpresa com a burocracia envolvendo o IR de renda variável. Caso não haja um acompanhamento recorrente das demandas fiscais, o investidor vai, eventualmente, se deparar com uma pendência na Receita Federal e terá que correr atrás de uma solução”.

Desde o fim de 2020, o número de pessoas físicas inscritas na bolsa cresceu 124%. Com isso, esse número chegou à marca de 3,7 milhões de investidores em maio deste ano. Conforme Kelmanson, o valor captado nesta segunda rodada de investimento deve ser usado para melhorar os produtos existentes e criar novas soluções da fintech

Em setembro de 2020, a primeira captação levantou R$ 700 mil em apenas 4 dias. O dinheiro foi utilizado para ganhar tração, bem como aumentar o número de usuários do app. 

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

imagem: grana.capital

- Publicidade -

Comentários
Carregando...