Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Economia: Guedes cita autonomia do BC e privatizações a ministros do G20

Confira os assuntos tratados pelo ministro durante os encontros.

0

Em reunião do G20, grupo das 20 maiores economias do planeta, o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o Brasil está avançando em reformas econômicas que pretendem gerar uma recuperação sustentada da economia. O anúncio foi feita nesta quarta-feira (7). Assim, em encontro no bloco econômico, Guedes também destacou algumas das ações tomadas pelo governo e pelo Congresso para conter a crise.

Entre elas, o ministro citou as medidas aprovadas nas últimas semanas pelos parlamentares, como a autonomia do Banco Central, a proposta de emenda à Constituição PEC Emergencial e a privatização dos setores de saneamento e gás natural. Guedes citou o leilão de 22 aeroportos ocorrido nesta semana, e que arrecadou R$ 3,3 bilhões. A Agência Brasil é a fonte das informações.

É provável que você também goste:

Mudança: conta do Nubank ganha novo design para facilitar navegação

Para FMI, Brasil deve cair para 13ª maior economia do mundo em 2021

Câmara aprova projeto que libera compra de vacinas pelas empresas

Guedes cita autonomia do BC e privatizações a ministros do G20

Ainda durante seu discurso, Guedes ressaltou que hoje o Brasil representa uma oportunidade para os investidores estrangeiros. Entre seus argumentos, mencionou o leilão de seis terminais portuários e de um trecho da Ferrovia de Integração Oeste–Leste, previsto para os dias 8 e 9 de abril. Ele também mencionou a intenção de privatizar estatais como os Correios e a Eletrobras.

A respeito da pandemia e do plano de imunização do país, Guedes voltou a defender a vacinação em massa contra a covid-19, e afirmou que a recuperação nacional e global depende da imunização e do avanço de reformas. Com isso, em seu discurso, ele destacou que mais de um terço da força de trabalho no Brasil recebeu apoio direto durante o período mais agudo da crise econômica, por meio do Auxílio Emergencial e do BEm, que permitiu a redução de jornadas de trabalho e salários.

Ministro destacou andamento da campanha de vacinação no Brasil

Por fim, em relação a 2021, o ministro Paulo Guedes disse que o governo está renovando os programas de apoio, porém com maior foco nos necessitados. Assim, destacou o andamento da campanha de vacinação e o avanço das reformas no Congresso. Os encontros dos ministros do G20 e do Brics ocorreram em paralelo com a reunião de primavera do FMI, que aconteceu também nesta semana.

Além disso, por conta da pandemia de covid-19, Guedes participou do evento de forma virtual. O ministro manifestou apoio do Brasil à nova distribuição dos Direitos Especiais de Saques no FMI e defendeu a agenda de infraestrutura do G20. Segundo ele, é importante ativar mecanismos que destinem recursos a economias de renda baixa e média, principalmente neste momento de pandemia.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitterInstagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

imagem: Antonio Scorza / shutterstock.com.br

Comentários
Carregando...