Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Idoso no volante: como funciona a renovação da CNH para a melhor idade?

Descubra tudo sobre a legislação de trânsito para o idoso no Brasil, incluindo renovação da CNH e dicas para condução segura.

Você já se perguntou como funciona a renovação da CNH para idoso? Afinal, dirigir é uma tarefa cotidiana que exige não apenas habilidade, mas também atenção às normas que garantem a segurança de todos no trânsito. No Brasil, onde a população idosa está em crescente expansão, compreender as regras de trânsito específicas para esse grupo torna-se ainda mais relevante.

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estabelece diretrizes claras para a renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) dos idosos. Conforme essa legislação, não existe uma idade limite para dirigir, mas sim um critério de renovações mais frequente com o avançar da idade, visando assegurar que os condutores estejam sempre aptos a conduzir veículos de maneira segura.

Como é avaliada a capacidade do idoso na renovação da CNH?

cartão de estacionamento para idoso
Imagem: kurhan / Shutterstock.com

A avaliação de capacidade para dirigir dos idosos é um procedimento que envolve análises médicas abrangentes. Essas análises procuram avaliar a acuidade visual, a audição, mobilidade física, e outras funções essenciais para a condução segura de um veículo.

Assim, toda essa rigorosidade tem o objetivo de prevenir acidentes, garantindo que apenas indivíduos verdadeiramente capazes possam renovar suas CNHs.

Existe curso de reciclagem?

Sim, além da avaliação médica, alguns estados do Brasil exigem que condutores com mais de 65 anos passem por um curso de reciclagem durante a renovação da CNH.

Desse modo, o curso tem como foco principal a atualização sobre leis de trânsito e a reafirmação de práticas de condução segura.

Legislação em detalhes

Dados recentes apontam que os idosos representam uma porção cada vez maior da população brasileira, justificando assim a criação de leis que fomentem uma convivência harmônica e segura no trânsito.

Veja também:

Pegar empréstimo pode BLOQUEAR o Bolsa Família?

A legislação vigente, detalhada no artigo 147 do CTB, estipula que a renovação da CNH deve ocorrer com periodicidade determinada pela idade do condutor:

  • A cada dez anos para aqueles com menos de 50 anos;
  • A cada cinco anos para aqueles entre 50 e 69 anos;
  • A cada três anos para os que têm 70 anos ou mais.

Manter-se informado sobre as regras de trânsito é fundamental para todos, especialmente para os idosos, que precisam atender a requisitos específicos para continuar dirigindo. Estas medidas, longe de serem restritivas, têm como objetivo principal garantir que a experiência de condução seja segura para todos, independentemente da idade.

Imagem: Syda Productions / Shutterstock.com