Com o advento das fintechs e dos bancos digitais, todos os bancos tradicionais estão passando por um processo contínuo de digitalização. Ou seja, deixando de lado as estruturas físicas para focar no atendimento digital. Com isso, da mesma forma que o Banco Bradesco recentemente anunciou o fechamento de centenas de agências, o Itaú Unibanco também que vai fechar 400 agências até o final de 2019.

É provável que você também goste:

Havan está de aniversário e sorteia 1000 cartões-presente de R$ 2.000 em site no WhatsApp?

Caixa ainda segue oferecendo empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa.

As diferenças entre o cadastro positivo do SPC e do Serasa, qual ajuda mais a conseguir crédito?

Como Bradesco, Itaú vai fechar centenas de agências em 2019

Além do fechamento de 400 agências, o Itaú Unibanco também lançou um programa de demissão voluntária no mês de setembro, através do qual 3.500 funcionários aderiram. Isso gerando um efeito de R$ 2,4 bilhões nos números do banco neste trimestre, antes dos impostos.

O presidente do Itaú Unibanco disse, através de uma teleconferência de resultados do terceiro trimestre, que as agências que serão fechadas não vão impactar no atendimento aos clientes. Isso porque elas se localizam a menos de 500 metros de outras agências, com capacidade de absorver o atendimento tranquilamente.

Ao mesmo tempo, o banco anunciou um lucro líquido de R$ 7,1 bilhões no terceiro trimestre deste ano. Ou seja, o equivalente a um crescimento de quase 11% em relação ao mesmo período do ano passado.

Entre vários fatores que contribuíram para o aumento do lucro está o crescimento da carteira de crédito, com uma expansão de 8,3% no período, refletindo o cenário de gradual retomada da economia. Paralelamente, o crédito para micro, pequenas e médias empresas teve expansão de 24,5%, enquanto a tomada de crédito por pessoas físicas teve aumento de quase 15%.

Bradesco anunciou o fechamento de 300 agências em 2020

O Banco Bradesco também anunciou recentemente o fechamento de 300 agências no ano que vem. Confira este artigo que trata sobre o assunto, e entenda se existem motivos para se preocupar com isso.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.