Quem estiver na fila de espera do Benefício de Prestação Continuada (BPC) para portadores de deficiência podem receber antecipação de R$ 600 nos próximos dias.

É provável que você também goste:

Programa Verde Amarelo: Câmara aprova mudança nas leis trabalhistas em meio à pandemia

Caixa fecha parceria com Magalu para oferecer compras on-line sem cartão de crédito

Caixa define datas para começar saque de R$ 600 do auxílio emergencial.

As regras para a liberação do pagamento deverão sair ainda hoje (14), segundo uma fonte do INSS.

Foram mais de 190 mil pessoas que enviaram atestados médicos com o objetivo de requerer auxílio-doença pelo aplicativo MEU INSS ou pelo site (https://meu.inss.gov.br/), devido as agências do INSS não estarem funcionando, e também devem receber o benefício ainda este mês, após a verificação do atestado pela perícia médica.

O BPC é um programa voltado a auxiliar financeiramente deficientes e idosos de baixa renda com um salário de R$ 1045, que equivale a um salário mínimo atualmente.

Quem pedir o auxílio-doença, deverá enviar o atestado para que passe por uma perícia médica federal para que se confirme as informações divulgadas. Caso o laudo seja aprovado, o beneficiário receberá automaticamente uma antecipação de R$ 1045. No atestado, deverá ter as seguintes informações: nome do médico, número do CRM, código da doença/CID, data específica do repouso.

Quem está na fila para o BPC Loas vai receber R$ 600 mesmo se não tiver direito

Caso o idoso ou deficiente não ter direito ao benefício, mas recebeu a antecipação, ele não precisará devolver o valor que conseguiu, se ficar constatado que não houve tentativa de fraude.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Imagem: rafapress/shutterstock.

Fonte: odia.