Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Novo desconto da CNH dá 50% de economia para brasileiros acima de 50 anos

Brasileiros acima de 50 anos têm desconto de 50% na CNH. Condição é válida para renovação ou primeira habilitação.

O Projeto de Lei 5.153/2023, em análise no Senado, propõe descontos significativos na renovação da CNH para motoristas mais velhos. Essa medida, se aprovada, poderá beneficiar condutores com mais de 50 anos com um desconto de 50% no processo de renovação, enquanto aqueles com mais de 70 anos poderiam receber uma redução ainda maior, de 70% nos custos.

A proposta evidencia a preocupação em promover políticas públicas que garantam condições acessíveis para que os idosos possam manter sua mobilidade com segurança e conforto.

Quem se beneficia com o desconto na CNH?

Mão segurando CNH.
Imagem: rafapress / shutterstock.com

O Projeto de Lei complementar 2434/22 propõe estender o desconto na renovação da CNH não apenas para os idosos, mas também para motoristas com incapacidades específicas, como os com visão monocular.

Essa condição, que afeta a percepção de profundidade e campo de visão, resulta na perda de 20% da visão em um dos olhos.

Por que propor esses descontos nas taxas da CNH?

De acordo com a senadora Teresa Leitão, relatora do projeto na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), a medida visa apoiar a população idosa e as pessoas com desafios visuais.

A senadora destacou a importância de facilitar o acesso à mobilidade e independência para esses grupos, promovendo inclusão social e autonomia no trânsito.

Veja também:

Clientes Nubank possuem direito a internet grátis em viagens internacionais; saiba mais

Quais são os próximos passos para a implementação da Lei?

O Projeto de Lei ainda precisa ser aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e, posteriormente, receber a ratificação nas assembleias legislativas pertinentes. Entenda as etapas:

  • Primeira Etapa: Aprovação pela Senador Fernando Dueire e discussão inicial;
  • Segunda Etapa: Análise pela Comissão de Assuntos Econômicos;
  • Terceira Etapa: Aprovação final pela Comissão de Constituição e Justiça.

Caso aprovado, este novo regulamento não apenas concederá benefícios materiais aos condutores idosos e com visão monocular, mas também refletirá uma evolução na legislação de trânsito brasileira voltada para uma maior equidade social.

Imagem: rafapress / shutterstock.com