Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Novos ajustes do Bolsa Família ampliam benefícios para mais famílias

Descubra quais são os principais ajustes no programa Bolsa Família para o ano de 2024 e as demais informações sobre o programa social!

Em uma caminhada constante para a redução da pobreza e da desigualdade, o Governo fFederal mantém o foco em fazer ajustes no programa social Bolsa Família. Atualmente, beneficiando aproximadamente 21 milhões de famílias no Brasil com transferências mensais a partir de R$ 600, o plano é expandir e aumentar os valores pagos.

Dessa forma, saiba mais informações sobre os impactos que essas mudanças podem causar na vida dos beneficiários, além de como se cadastrar no programa. Continue a leitura!

Bolsa Família passa por ajustes em 2024

Mão segurando celular com tela mostrando nome do programa Bolsa Família
Imagem: rafapress / shutterstock.com

Diante do cenário atual marcado por notáveis desafios econômicos, deve-se repensar as estratégias para o alcance de mais pessoas que se encontram numa situação de vulnerabilidade social.

Portanto, entre os novos ajustes para o Bolsa Família, estão uma ampliação no contingente de famílias que serão atingidas pelo programa. Ainda, é preciso definir novos critérios para a concessão do benefício e um relevante reajuste nos valores repassados.

Quais são as consequências das alterações?

Logo, os ajustes propostos vão possibilitar que um número ainda maior de famílias consiga ter acesso ao auxílio do Bolsa Família. Isso significa que o poder de aquisição dessas famílias será maior, colaborando para uma notável melhora na qualidade de vida dessas pessoas.

Vale salientar que diversas famílias dependem desse benefício para suprir necessidades básicas, como alimentação e medicamentos.

Como se inscrever?

Para se inscrever no Bolsa Família, é preciso que a família esteja em situação de pobreza ou extrema pobreza. Além disso, é indispensável que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) do Governo Federal.

Após efetuar o cadastro, as inscrições passarão por uma análise levando-se em consideração as informações financeiras e a situação de vulnerabilidade social da família.

Veja também:

Cesta Básica: Apenas 3 capitais escapam da alta dos preços; confira valores

Por fim, para obter mais orientações acerca dos critérios de inscrição, é possível acessar o site oficial do Bolsa Família ou procurar atendimento em lugares como a prefeitura ou no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) da cidade em que reside.

Imagem: rafapress / shutterstock.com