Com pandemia e novas regras, concessão de novos benefícios do INSS têm forte queda

Número de pedidos de aposentadoria acumulados chegou a 1,7 milhão!

0

Desde o início da pandemia de COVID-19, a fila de espera para concessão de benefícios do INSS tem crescido continuamente, e atingiu um número assustador de 1,7 milhão de processos em aberto.

Em 2020, o número de benefícios concedidos teve uma queda de 6,2% em relação a 2019. Essa queda, aparentemente pequena, representa um a maior redução desde 2015.

Segundo os técnicos, os principais motivos para esta longa fila de espera foram basicamente dois: as perícias terem sido suspensas e a corrida para realizar o pedido antes das novas regras entrarem em vigor.

É provável que você também goste:

Como vai funcionar o pagamento da antecipação do 13º salário do INSS

INSS pagará benefício somado em R$ 6.433,57 este ano, saiba como receber

Saiba quando a prova de vida é fundamental para manter o benefício do INSS

STF estabelece prazo de até 90 dias para que pedidos no INSS sejam analisados

De acordo com o órgão, cerca de 1,2 milhão destes requerimentos se encontram em fase de análise, enquanto os demais processos em aberto carecem de documentação complementar por parte do segurado para que a análise seja retomada.

Esse imenso volume gera uma fila de espera que atualmente tem uma média de duração de 66 dias. Contudo, por lei o tempo máximo de espera deveria ser de 45 dias.

De acordo com o INSS, os processos que se encontram em fase de exigência de novos documentos não devem ser contabilizados nesta fila de espera, visto que já passaram por uma avaliação preliminar.

O baixo número de benefícios concedidos em 2020 tem como principal fator a queda no número de aposentadorias por invalidez, que tiveram uma queda de 51% no ano passado. 

A volta das agências do INSS

As agências do INSS passaram boa parte do ano fechadas, diante da necessidade de conter o avanço da COVID-19, mas mesmo após a reabertura das agências, as perícias continuaram paradas.

Os médicos do órgão se recusaram a voltar ao atendimento presencial sob o argumento de que as unidades não estavam equipadas para oferecer as medidas de segurança necessárias durante a pandemia.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então é só seguir o Seu Crédito Digital no YouTubeFacebookTwitter, Instagram e Twitch. Assim você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos etc. Siga a gente para saber mais!

Imagem: rafapress/shutterstock

- Publicidade -

Comentários
Carregando...