O Cadastro Positivo ajuda ou atrapalha para conseguir crédito?

O Cadastro Positivo foi criado para ser o contraponto ao Cadastro Negativo, que é utilizado para checar o histórico de mau pagamento (inadimplência) de consumidores ou empresas. Com isso, ele tem o objetivo de inverter essa realidade para o mercado de crédito. Ou seja, o Cadastro Positivo funciona como um histórico do comportamento do consumidor, reunindo informações sobre os pagamentos, empréstimos e financiamentos. Assim, as instituições financeiras conseguem avaliar de uma forma mais justa todo o comportamento do consumidor. Mas será que o Cadastro Positivo ajuda ou atrapalha?

Leia também:

Mercado Pago e Mastercard se unem para lançar novos produtos de pagamento.

Quem pode pedir o empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa da Caixa?

Antecipar o pagamento do Nubank ou deixar o dinheiro na NuConta?

O Cadastro Positivo ajuda ou atrapalha para conseguir crédito?

Isso significa que os dados passam a considerar também a pontualidade do consumidor no pagamentos das suas contas, registrando compromissos e hábitos de pagamentos. Ou seja, o Cadastro Positivo lista os bons pagadores e aqueles que cumpriram com os seus compromissos em dia.

Antes, com o Cadastro Negativo, qualquer atraso de contas poderia dificultar o acesso ao crédito, pois as informações de pagamentos em dia não eram computadas. Ou seja, ele permite que haja uma verificação se o não pagamento foi um problemas apenas pontual diante do histórico de bom pagador do consumidor.

Quais os dados são analisados no Cadastro Positivo?

A partir do momento que o consumidor abrir o Cadastro Positivo, automaticamente todas as contas pagas e transações que ele realiza começam a ser registradas, criando um histórico de seu nome. São as instituições financeiras e os bancos que repassam os dados para o Cadastro Positivo.

Segundo o SPC, os seguintes dados são analisados:

  • Valor total da compra;
  • Valor das parcelas;
  • Data dos vencimentos;
  • Data dos pagamentos;
  • Valor dos pagamentos;
  • Dados cadastrais do consumidor.

Entram para o histórico as seguintes despesas:

  • Água;
  • Luz;
  • Gás;
  • Telefone;
  • Assistência médica;
  • Odontológica;
  • Internet;
  • Escola;
  • Instituições financeiras;
  • Administradoras de créditos;
  • Financiamentos;
  • Empréstimos;
  • Compras a prazo.

Quem está negativado pode entrar para o Cadastro Positivo?

Os consumidores que estão com o nome negativado podem aderir ao Cadastro Positivo. Até porque as contas que eles pagarem em dia também entrarão no histórico, o que pode beneficiar caso seja feira uma análise mais completa.-

Até mesmo quem está com o nome negativado pode entrar para o Cadastro Positivo – as contas que você pagar em dia também entrarão para seu histórico e podem te beneficiar em uma análise mais completa.

Benefícios do Cadastro Positivo

Ao aderir ao Cadastro Positivo e seguir sendo um bom pagador, você terá mais chances de conseguir o seguinte:

  • Empréstimos com juros mais baixos;
  • Maior prazo para pagamento dos empréstimos;
  • Maiores chances de conseguir aprovação em empréstimos, cartões de crédito e financiamentos;
  • Aumento do score de crédito;
  • Profissional autônomo que não consegue comprovar renda, poderá ter mais chances de conseguir crédito.

Desvantagem em aderir ao Cadastro Positivo

Ao aderir ao Cadastro Positivo e não conseguir honrar com suas contas, o consumidor estará arranjando um problema a mais para si, pois as instituições financeiras além de terem acesso às negativações, constatarão também que você não costuma pagar em dia suas contas.

Cadastro Positivo ajuda ou atrapalha?

Portanto, com certeza, se você for um bom pagador e sempre honrar com os seus compromissos financeiros, o Cadastro Positivo estará agregando mais informações pertinentes ao seu histórico de pagamentos. Em contrapartida, se o consumidor não consegue se organizar financeiramente e está sempre endividado, não conseguindo pagar as contas, o Cadastro Positivo poderá dificultar ainda mais a sua vida.

E você o que acha? Cadastro Positivo ajuda ou atrapalha? Comente logo abaixo!

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto de fintechs.

Sobre o autor Ver Posts Author website

Luiz Felipe Kessler

Graduado em Administração de Empresas pela UFRGS.

Entusiasta de fintechs e tudo o que a tecnologia proporciona de facilidades em nossas vidas.

Fundador dos sites Seu Crédito Digital, Conexão Estudante e do Optclean Tecnologia.

Comentários no Facebook