Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Pix de R$ 400 na conta para inscritos do CadÚnico? Confira

Ouviu falar que teria um valor adicional de R$400 na sua conta do Cadúnico e ainda não sabe como ou quando vai receber? Leia e entenda!

Nas últimas semanas, uma série de informações contraditórias tem se espalhado pelas redes sociais e alguns portais de notícias, sugerindo que o Governo Federal estaria planejando liberar um saque adicional de R$ 400 para os inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico).

Segundo esses relatos, esse valor adicional teria como propósito específico a compra de alimentos. Contudo, apesar das expectativas e especulações de muitos brasileiros, o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS) esclareceu que essas informações não são verídicas.

Ministério do Desenvolvimento Social desmente fake news

Notas de dinheiro brasileiro de 100 reais sob uma lupa com lente de aumento.
Imagem: Andrzej Rostek / shutterstock.com

De acordo com o MDS, não há planos para um novo auxílio alimentação no valor de R$ 400 sendo preparado ou distribuído pelo governo federal para os inscritos no CadÚnico.

A confusão surgiu de uma interpretação equivocada das informações sobre a regulamentação de dois programas focados na segurança alimentar: o Programa Cozinha Solidária e a Cesta Básica de Alimentos Saudáveis.

No entanto, essas iniciativas não envolvem a distribuição de cestas básicas ou qualquer quantia monetária adicional aos beneficiários do Bolsa Família ou inscritos no CadÚnico.

Bolsa Família continua sendo o principal apoio

O Bolsa Família, programa de transferência de renda do Governo Federal, permanece como o principal suporte para as famílias em situação de pobreza inscritas no CadÚnico. O programa atende mais de 21 milhões de famílias mensalmente, garantindo um valor mínimo de R$ 600. O Bolsa Família inclui diversos benefícios, assegurando acesso a direitos básicos como saúde, educação e assistência social.

Além disso, algumas prefeituras no Brasil estão implementando programas locais para fornecer cestas básicas aos inscritos no CadÚnico, apesar de não estarem conectadas aos programas federais. Portanto, os beneficiários do Bolsa Família e inscritos no CadÚnico devem aguardar apenas os valores habituais do programa, sem expectativas de um adicional de R$ 400 em maio.

Veja também:

Banco suspende desconto de parcelas do consignado por 120 dias; saiba mais

O governo reforça a importância de buscar informações em fontes oficiais para evitar a propagação de notícias falsas, que geram confusão e expectativas infundadas entre a população.

Auxílios complementares no Bolsa Família

A estrutura do Bolsa Família é composta por diversos benefícios auxiliares, visando garantir o acesso das famílias a direitos básicos essenciais, tais como saúde, educação e assistência social. Veja:

  • Primeira Infância: Destinado às famílias com crianças de 0 a 6 anos, este benefício oferece um auxílio de R$ 150 por criança, contribuindo para suprir as necessidades básicas dos mais jovens;
  • Benefício de Renda de Cidadania: Este benefício é concedido a todos os membros da família inscrita no programa, fornecendo um apoio financeiro de R$ 142 por pessoa, contribuindo assim para o sustento familiar;
  • Benefício Variável Familiar: Destinado às famílias que possuem gestantes, crianças entre 7 e 12 anos, e adolescentes de 12 a 18 anos, este benefício oferece um suporte financeiro de R$ 50 por pessoa, ajudando a garantir o bem-estar e o desenvolvimento adequado;
  • Benefício Complementar: Este benefício tem como objetivo garantir que o valor total recebido pelo Bolsa Família atinja no mínimo R$ 600 por família, ajudando assim a assegurar uma renda mínima para suprir as necessidades básicas do núcleo familiar.

Imagem: Andrzej Rostek / shutterstock.com