Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Pix: limite de R$ 1 mil já tem data para começar a valer; confira

Saiba mais sobre as novas regras do Pix.

0

Na última quinta-feira (23), o Banco Central anunciou a data de início das novas regras do Pix. Assim, as instituições financeiras têm até o dia 4 de outubro para ativar o limite de R$ 1 mil para as transferências via Pix, válido entre 20h e 6h. Confira os detalhes abaixo.

Circulação do dinheiro cai 4,4% após a chegada do Pix no Brasil

Pix: limite de R$ 1 mil já tem data para começar a valer

O motivo do limite do Pix é a crescente onda de sequestros-relâmpago e roubos, nos quais os ladrões usam o Pix para arrancar dinheiro da vítima. Ademais, as transferências via TED, DOC, pagamento de boletos e compras com o cartão de débito também devem ter que respeitar o novo limite.
Paralelo a isso, os clientes podem alterar o limite nos canais de atendimento dos bancos após o dia 4 de outubro. Além disso, as instituições financeiras precisarão fazer um registro diário e mensal de todas as ocorrências de fraude nos serviços de pagamento a partir do dia 16 de novembro. Também deve estar neste registro as medidas tomadas para a solução dos problemas.

Principais alterações

  • Entre as 20h e 6h, o limite de transferências deve ser de R$ 1.000. As novas regras do Pix servem também para as transações entre as contas de uma mesma instituição, TED, DOC e cartões de débito. 
  • Além disso, deve haver um prazo mínimo de 24h e máximo de 48h para que o banco permita um pedido de aumento de limite de transações solicitado pelo usuário pelos canais digitais. Em suma, a mudança vale para Pix, para TED, para DOC, para transferências, para boletos e para o cartão de débito. 
  • O cliente também vai poder definir os limites de movimentação no Pix durante o dia e a noite. E assim, permitir limite mais baixo no período noturno. 
  • Ademais, o usuário vai poder reter uma transação por um prazo de 30 minutos durante o dia, ou por 60 minutos durante a noite, para a análise de risco da operação.
  • Além disso, a instituição deve ter um histórico comportamental e de crédito, para que as empresas possam antecipar recebíveis de cartões com pagamento no mesmo dia.
  • Por fim, as novas regras do Pix também permitem ao usuário cadastrar contas para ganhar transferências acima dos limites estabelecidos, mantendo os limites baixos para as outras transações.

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal  do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: Divina Epiphania / shutterstock.com

Comentários do Facebook

- Publicidade -