Quando devo optar pelo cartão Trigg ao invés do Nubank?

0

Atualmente, diante de uma grande diversidade de ofertas de cartões de crédito, fica difícil escolher. Ou seja, são cartões de diversas fintechs, bancos digitais, bancos tradicionais e administradoras de cartões de crédito. Mas e afinal,  considerando as versões de cartões sem anuidade, qual deles é o melhor? Não há dúvidas que o Nubank, o famoso cartão roxinho, seja considerado um dos melhores do momento. Ele é ao mesmo tempo, um dos mais populares neste mundo de inovações. Entretanto, não se engane, pois existem várias outras opções também muito vantajosas por aí – como, por exemplo, o cartão Trigg. A seguir, vamos auxiliá-lo a fazer a melhor escolha, sempre levando em consideração o seu relacionamento com o cartão de crédito, bem como principais objetivos e a utilização em si.

É provável que você também goste:

Meu CPF não está no SPC/Serasa, por que Nubank e Digio não me aprovam?

Quando devo optar pelo cartão Trigg ao invés do Nubank?

Nubank: o “queridinho” de muitos

Se você optar pelo cartão de crédito roxinho pode ser que demore meses para que você finalmente seja aprovado. Ou ainda, sequer aprovar o seu cadastro. O principal atrativo do Nubank é o fato de não ter anuidade, o que o torna sim uma excelente opção.

Entretanto, quando se fala em acúmulo de pontos e outros benefícios, é preciso contratar um plano e pagar por isso, o Nubank Rewards. Ou seja, para ter acesso aos benefícios, o valor é de R$ 190 à vista, ou R$ 228,00, parcelado em 12 vezes de R$ 19. Podemos considerar o valor relativamente alto, especialmente para quem não gasta muito mensalmente e ao mesmo tempo pretende fugir das taxas.

Cartão Trigg é uma boa opção

Trigg

Embora que não seja totalmente isento de anuidade, o cartão Trigg cobra apenas 9,90 ao mês, e oferece uma série de benefícios aos seus clientes. Porém, a maior vantagem deste cartão está em seu CashBack, que pode chegar a até 1,3% da fatura. Portanto, indivíduos que tenham gastos superiores a R$ 1.400,00 ao mês, poderão recuperar uma boa parte do seu dinheiro.

Para conhecer melhor o programa de benefícios, você pode acessar este link aqui e simular seus gastos. O valor “recuperado” tanto pode ser descontado da sua fatura, quanto também doado a algumas instituições beneficentes.

Afinal, qual deles escolher?

Assim como mencionamos anteriormente, a escolha entre cartão Trigg e Nubank deve ser feita com base no seu gasto mensal.  Caso tenha despesas superiores a R$ 1.400,00 com o cartão de crédito, não há dúvidas que o Trigg é a melhor opção. Isso porque você conseguirá recuperar uma boa parte do seu dinheiro.

Já a contratação do Nubank Rewards vale a pena para quem tem gastos superiores a R$ 1600,00 ao mês, e deseja acumular pontos para trocar por benefícios, além de aproveitar toda a versatilidade do Nubank. Dentre algumas vantagens a se considerar é ter o acesso à NuConta, e poder contar com transferências ilimitadas e gratuitas para qualquer banco, rendimento superior a poupança e agora a função débito e saques sendo liberadas aos poucos.

Por outro lado, para aqueles clientes que gastam menos que R$ 1.400,00 talvez o Nubank ainda seja a melhor escolha. Todavia, neste caso sem nenhum benefício em troca, sem a assinatura do Nubank Rewards. Sendo assim, antes de solicitar um cartão, avalie todas as suas despesas e as suas necessidades, para que a melhor escolha seja feita.

Enfim, gostou do artigo?

Então nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Acompanhe nossos artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao mundo das fintechs.

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais