Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Reforma tributária: saiba tudo o que muda no Imposto de Renda

As principais alterações estão na atualização na tabela do Imposto de Renda.

0

Entregue nesta sexta-feira, dia 25, o texto da Reforma Tributária traz mudanças no Imposto de Renda, tanto para pessoa física, quanto para pessoa jurídica. As principais alterações estão na atualização na tabela do Imposto de Renda, congelada desde 2015. Assim, com a correção das faixas, mais pessoas com salários menores terão isenção e, segundo a proposta, os 31 milhões de assalariados obrigados a declarar IR terão redução de alíquota.

Confira tudo o que muda com a Reforma Tributária

O texto da reforma tributária, além da atualização do Imposto de Renda traz outras mudanças significativas. Por exemplo, lucros e dividendos que estavam isentos há mais de 20 anos, passarão a ter taxação de 20%. Além disso, o projeto prevê a simplificação da cobrança de IR em investimentos de renda fixa como variável, fixando uma alíquota de 15%. A ideia é estimular os investimentos.

Alterações na tabela do Imposto de Renda

Segundo a alteração proposta pela Reforma Tributária, a tabela aumentou a faixa de isenção do Imposto de Renda das pessoas físicas. Portanto, a faixa inicial sobe de 1.903,98 reais para 2.500 reais. Ou seja, um reajuste de 31% nesta faixa, porém longe dos 5.000 reais prometidos pelo presidente durante a campanha.

Atualmente, 10,7 milhões se enquadram na primeira faixa, e, com o aumento, 16,3 milhões ficam isentos. Além disso, a alíquota será reduzida para toda as faixas do Imposto de Renda.

Propostas do governo para a Reforma Tributária

Outra mudança para pessoas físicas estará na declaração de ajuste anual. Então, o desconto simplificado, de 20% automaticamente na declaração, será restrito para quem recebe até 40 mil reais anuais, cerca de 3.000 reais mensais.

No texto, o governo também propõe uma permissão de atualização de valor de imóveis. A ideia é ter uma redução da alíquota do Imposto de Renda sobre ganhos de capital na venda de imóveis para 5% se o contribuinte atualizar o valor da propriedade.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o FacebookTwitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: rafapress / Shutterstock.com

- Publicidade -

Comentários
Carregando...