Será que chegou a hora de sacar todo o seu dinheiro da poupança com a queda da Selic?

0

Segundo o Banco Central, os brasileiros voltaram a sacar recursos da caderneta de poupança em 2020. De acordo com a instituição, em janeiro de 2020, o total dos saques foi de R$ 12,356 bilhões. Esse foi o recorde de volume de saques em um único mês desde janeiro de 1995, quando começou a série histórica do Banco Central.

É provável que você também goste:

Loja online com Iphone consignado em até 25 vezes é lançamento da Creditas

Passagens aéreas para o Carnaval já estão até 250% mais caras

Redução da taxa Selic faz bancos diminuírem juros em empréstimos e financiamentos. Confira os anúncios dos principais bancos!

É comum haver saques na poupança em janeiro, afinal muita gente aproveita o dinheiro da poupança para pagar despesas de início de ano. No entanto, em 2019 o total sacado foi maior do que em todos os anos anteriores, somando R$ 229,344 bilhões. Por outro lado, os depósitos brutos foram de R$ 216,987 bilhões. Portanto, considerando a saída líquida de R$ 12,356 bilhões e o rendimento de R$ 2,506 bilhões, o estoque total na caderneta de poupança foi de R$ 835,615 bilhões ao final de janeiro.

Essa retirada de recursos da poupança se deve não somente às despesas de início do ano, mas também ao interesse dos alguns brasileiros por outras aplicações. Afinal, a queda da Selic (taxa básica de juros) levou também à uma redução no rendimento da poupando. Portanto, outros investimentos acabaram se tornando mais vantajosos.

A remuneração da poupança é baseada na TR (taxa referencial), que atualmente é 0, somada a 70% da Selic. A Selic, no entanto, está em 4,25% ao ano, seu menor valor na história.

Essa regra que citamos só vale quando a Selic estiver em valor inferior a 8,50% ao ano, como é o caso atual. Se ela estiver acima desse limite, então o rendimento da poupança será pela TR, mais uma taxa fiza de 0,5% ao mês (6,17% ao ano).

E então, vale a pena retirar o dinheiro da poupança?

A resposta, por enquanto, é SIM. Com o corte na Selic anunciado pelo governo, que reduziu a taxa a apenas 4,25% ao ano, vale mais a pena retirar o dinheiro da poupança e aplicá-lo em algum investimento com retorno maior. Alguns investimentos que rendem mais do que a poupança são, por exemplo, o Tesouro Direto e a LCI. Também há a opção de se investir em ações, que podem oferecer um ótimo rendimento, porém o risco de perda financeira também é maior.

No entanto, é um caso especial no qual vale mais a pena manter dinheiro na poupança. Se você tem dinheiro na caderneta de poupança desde antes de 2012, vale a pena mantê-lo, pois de acordo com as regras da época, o rendimento é de cerca de 6% ao ano.

Enfim, gostou da matéria?

Então, siga o nosso canal do YouTube, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.

Imagem: cvalle, via Shutterstock.

Comentários
Carregando...

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar