O Banco Central do Brasil informou nesta terça-feira (16), que o Banco Santander foi o líder nas reclamações contra instituições financeiras no 1º semestre de 2019, com um índice de 25,93%. Em segundo lugar aparece o Bradesco, com índice 23,35, e a Caixa Econômica Federal aparece em terceiro lugar, com o índice 23,25. Em quarto lugar nas reclamações no Banco Central, aparece o Banco Itaú, com o índice de 21,29.

É provável que você também goste:

Nubank esclarece a questão dos cancelamentos de contas

Santander, Bradesco, Caixa e Itaú lideram reclamações no Banco Central

Primeiramente, a lista contempla instituições financeiras e bancos com mais de 4 milhões de clientes. E o índice de reclamações é calculado considerando o número de reclamações precedentes, dividido pelo número de clientes em determinada instituição. Portanto, isso significa que na prática, quanto maior o índice, pior é a classificação da instituição. O Ranking com as reclamações no Banco Central é elaborado trimestralmente.

Além dos bancos Santander, Bradesco, Caixa e Itaú, a lista segue com outras instituições.

  • Banco do Brasil – 20,77
  • Votorantim – 13,12
  • Banrisul – 12,80
  • Omni – 12,38
  • Banco CSF – 10,13
  • Midway – 4,73
  • Banco do Nordeste – 0,43
  • Nubank – 0,00

Demais instituições menores

Todavia, há um ranking em separado com os bancos e financeiras com menos de 4 milhões de clientes. Portanto, estas também formam um ranking, que pode ser conferido lá no site do BACEN. A liderança é da Facta Financeira, que apresenta índice de reclamações de 1.066,41 somente no primeiro trimestre de 2019.

Na continuidade aparecem Modal (833,65), Novo Banco Continental (559,42), Safra (217,18), PAN (194,71), Banco Inter (139,03), Agibank (118,44), Portocred (94,39) e Original (90,93), entre outros. Ademais, a lista completa possui 23 instituições.

Dentre as reclamações mais frequentes, estão eventuais irregularidades relacionadas à oferta ou prestação de informação sobre produtos ou serviços de maneira inadequada, irregularidades ligadas à integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações e serviços relacionados a cartões de crédito.

Por fim, caso queira conferir a lista completa com o ranking de reclamações do Banco Central do Brasil, entre aqui neste link.