Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Santander tem alta de 98,4% no lucro líquido gerencial no 2º trimestre

Saiba mais sobre os resultados do Santander.

0

O Santander Brasil divulgou os seus números referentes ao 2º trimestre de 2021. Em comparação ao mesmo período de 2020, o banco teve uma alta de 98,4% no seu lucro líquido gerencial, sendo que esse valor chegou à soma de R$ 4,171 bilhões. Além disso, com relação ao 1º trimestre de 2021, a alta foi de 5,4%.

Santander lança Getnet na Europa por meio de sua fintech PagoNxt

Santander tem alta de 98,4% no lucro líquido gerencial no 2º trimestre

A alta no lucro do Santander ocorre em meio à estratégia do presidente-executivo, Sergio Rial, de conquistar novos clientes em disputa com as fintechs. O banco anunciou na última terça-feira (27) que Rial vai ser o presidente do conselho do banco, enquanto que Mario Leão vai ser o novo presidente-executivo.

Seja membro

Com relação ao lucro societário, ele chegou a R$ 4,103 bilhões no período. Ou seja, é 102,6% superior ao mesmo período de 2020, e 45,7% maior que na comparação com o 1º trimestre de 2021. Por outro lado, o índice de inadimplência em 90 dias do Santander cresceu 0,1 ponto percentual no trimestre, indo para 2,2%.

Já a carteira de crédito aumentou 3,5% em relação a março. Mesmo assim, a margem financeira segue estável em relação ao 1º trimestre, por conta dos ganhos com tesouraria mais baixos do Santander. Por outro lado, o retorno sobre o patrimônio (ROE) foi de 21,6% no período, com alta de 1 ponto percentual sobre o percentual de 20,6% no 1º trimestre. 

Além disso, a margem financeira bruta do Santander somou R$ 13,424 bilhões no 2º trimestre. Dessa forma, esse valor permanece estável, em relação ao trimestre anterior. Já em comparação ao mesmo período de 2020, houve uma queda de 1,5%.

Por outro lado, as receitas de prestação de serviços e tarifas bancárias do Santander totalizaram R$ 4,7 bilhões. Em suma, esse valor é 7,6% superior no trimestre, e apresenta uma alta de 26,8% em 12 meses. Por fim, as despesas gerais chegaram a R$ 5,106 bilhões. Esse número é 2,0% maior no trimestre e 3,6% mais alto na base anual.

Enfim, gostou da matéria?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: MOZCO Mateusz Szymanski / Shutterstock.com

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.