Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Trabalhador: mantenha seus dados atualizados no INSS, para ter aposentadoria mais tranquila!

Para quem busca se aposentar, é crucial manter os dados atualizados junto ao INSS. Descubra como clicando aqui!

Em um movimento positivo para os trabalhadores brasileiros, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) viu o tempo médio de concessão dos seus benefícios cair para apenas 50 dias. A informação está de acordo com o mais recente Boletim Estatístico da Previdência Social.

No entanto, a fila de requerimentos de benefícios ainda é alta, alcançando a marca de 1,5 milhão no mesmo mês. Portanto, é essencial evitar atraso e garantir o processamento ágil dos pedidos de aposentadoria ou outros benefícios.

Para isso, é necessário que o trabalhador mantenha seus dados sempre atualizados no Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS). Este é o documento que registra todos os vínculos empregatícios, remuneração e contribuições previdenciárias do cidadão.

Como atualizar as informações no CNIS?

Direitos dos trabalhadores intermitentes
Imagem: Drazen Zigic/ shutterstock.com

Em caso de informações de contribuições faltantes, mesmo que assinaladas na carteira de trabalho, o trabalhador possui duas opções para regularizar a situação.

A primeira alternativa é através do contato direto com a Central do INSS pelo telefone 135. Já a segunda opção, é procurar uma agência do INSS pessoalmente, conforme explica Gustavo Bertolini, advogado especialista no tema.

Veja também:

Confira a lista de 6 benefícios que trabalhadores com carteira assinada têm

Depois de feito o pedido de acerto junto à central, um servidor do INSS abrirá uma tarefa que poderá ser acompanhada pelo aplicativo ‘Meu INSS’, disponível para Android e iOS. Caso o instituto necessite, ele solicitará mais documentos para complementar a tarefa, que poderão ser enviados através do sistema ou diretamente na agência, esclarece Bertolini.

Como conferir os recolhimentos do INSS?

Para garantir que a empresa esteja realmente realizando os recolhimentos corretos para o INSS, o advogado recomenda o download do documento CNIS diretamente no aplicativo ‘Meu INSS’.

“Nele constará todas as contribuições do segurado efetuadas mensalmente pelos empregadores ou pelo próprio segurado em caso de recolhimento facultativo ou contribuinte individual”, diz o especialista.

A central 135 do INSS também pode auxiliar o trabalhador a solicitar a atualização de seus vínculos, remunerações e códigos de pagamento, conforme orientação da diretoria de tecnologia da informação do instituto.

Imagem: SERGIO V S RANGEL / Shutterstock.com