Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

4 em cada 10 usuários do Guiabolso pretendem bancar as despesas do Carnaval em dinheiro

2

Antes do desfile começar ou do bloco ir pra rua, o folião que usa o Guiabolso tem outro tipo de preocupação: quanto vai precisar pros dias de Carnaval e como vai pagar a conta. Pensando nos lugares que não aceitam pagamento no cartão e temendo a distância entre os caixas eletrônicos e as festas em algumas cidades, os usuários preferem se antecipar.

Pesquisa revela que 28% das pessoas não estipulam um limite de gastos pra folia

Leia também:

Como pedir o empréstimo do Nubank pelo aplicativo

Seja membro

4 em cada 10 usuários do Guiabolso pretendem bancar as despesas do Carnaval em dinheiro

Uma pesquisa do Guiabolso revela que 39,3% das pessoas preferem pagar o que consomem no Carnaval em dinheiro. “Seja por ser a única possibilidade daquele lugar ou pelo medo de cair num golpe, fugir das maquininhas pode trazer benefícios, como pedir descontos e literalmente limitar ous gastos”, explica o CEO do Guiabolso, Thiago Alvarez. E na hora de decidir quanto vão gastar 28% diz não estipular limites pra folia.

Contudo, outro levantamento do app, com base no Carnaval de 2018, destaca que a maior parte das pessoas sacou o dinheiro que pretendia usar no feriado já na sexta-feira (9 de fevereiro). Portanto, o valor foi pouco mais de 50% maior que a média diária do mês.

Todavia, ainda no ano passado, um em cada quatro usuários do Guiabolso gastou algum dinheiro nos postos de combustível durante o Carnaval. A média de gastos foi de R$ 98,15 por pessoa. Essa movimentação contabiliza despesas nas bombas de combustível e nas lojas de conveniência destes estabelecimentos.

Com o que pretendem gastar e tipo de folião

O Guiabolso ainda constatou certo equilíbrio na forma como os usuários se definem quando tentam classificar o estilo de gastos no Carnaval.

– 45,5% se consideram moderados, por planejar onde comprar e como conseguir descontos.
– 33,3% se classificam como mão-de-vaca por terem outras prioridades e pouco interesse em consumir no Carnaval
– 21,2% se acham mão aberta. Pra eles são poucos dias de folia e vale tudo pra se divertir.

A maior parte dos gastos projetados pelos usuários pro Carnaval de 2019 está em alimentação e bebida seguido por transporte e hospedagem. Ademais, em um segundo bloco de preferência, destaque pras fantasias e lojas de conveniência.

Todavia, o Guiabolso ainda deixa uma seleção de dicas pra quem vai sacar dinheiro pra folia:

1- Fuja das taxinhas. Se você não tem saques ilimitados no pacote de tarifas da sua conta, sacar toda a grana de uma vez pode evitar a explosão das taxinhas no seu bolso. #longedaqui!

2- Teto diário. Faça as contas de quanto vai gastar por dia. Isso ajuda a não extrapolar os gastos e queimar tudo de uma só vez. Lembre-se: são pelo menos 4 dias de festa.

3- Leve o necessário. Não corra riscos desnecessários. Evite andar com toda a grana sacada. Leve pro bloquinho somente o que pretende gastar no dia. Vai que você perde o dinheiro ou é assaltado?

4- Chore descontos. Ao pagar em dinheiro, você tem o poder pra negociar preços melhores. Portanto, aproveite!

Guiabolso

Somos um personal trainer das finanças que torna mais fácil a maneira como as pessoas lidam com dinheiro. Organizamos todas as contas em dois minutos, tudo automático, sem a pessoa ter de anotar os gastos. Conforme vamos te conhecendo também damos algumas sugestões pra você conseguir chegar onde quer, seja gastar, guardar ou ganhar mais dinheiro. Tudo isso usando nossa inteligência artificial.

Fomos fundados por Benjamin Gleason e Thiago Alvarez, dois amigos que trabalharam juntos numa consultoria e acumularam experiências nas áreas digital e financeira. A ideia surgiu unindo a vontade de criar algo com impacto social e o conhecimento de que há uma distorção grande no mercado e de que nem sempre as pessoas têm acesso a bons produtos financeiros.

Nosso propósito é ajudar as pessoas a melhorarem a vida, além de transformar o sistema financeiro. Hoje já temos 5 milhões e 600 mil histórias. O aplicativo surgiu em 2014 e de lá pra cá já recebemos R$ 215 milhões em cinco rodadas de investimentos.

Enfim, gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhe notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto das fintechs.

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.