Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Vazamento de dados na Serasa pode te dar R$ 30 MIL! Saiba se seu CPF está na lista

Instituto Sigilo e MPF moveram uma ação contra a Serasa por vazamento de dados em 2021, e buscam multas milionárias. Saiba mais sobre o caso!

O Instituto Sigilo ingressou com uma ação contra a Serasa solicitando que a gigante de proteção ao crédito pague obrigatoriamente multa de R$ 30 mil por cada indivíduo afetado pelo incidente de vazamento de dados de 2021. Ao todo, aproximadamente 223 milhões de pessoas foram afetadas.

Adicionalmente, o Ministério Público Federal (MPF) busca uma multa de no mínimo R$ 200 milhões ou até 10% do faturamento anual da Serasa do último ano.

A ação alega que a Serasa comercializou ilegalmente informações relativas aos hábitos de consumo na internet, histórico de compras e dados de organizações como a Previdência Social e o Serviço de Receita Federal.

Vazamento de dados da Serasa: Detalhes da queixa

Celular com a logo da Serasa na tela
Imagem: Alison Nunes Calazans / shutterstock.com

O Instituto Sigilo, responsável pela ação, inicialmente pediu uma indenização de R$ 15 mil. Contudo, o MPF solicitou um aumento para R$ 30 mil.

Dentre as acusações feitas contra a Serasa estão: a comercialização de dados como hábitos de consumo online, histórico de compras, endereços de e-mail, além de dados ligados à Previdência Social e à Receita Federal.

De acordo com o Instituto Sigilo, informações de cartões de crédito e débito de vários cidadãos brasileiros também tiveram vazamento. Estima-se que os dados de aproximadamente 223 milhões de pessoas, tanto vivas quanto falecidas, sofreram exposição. O Instituto agora lançou um site para registrar os consumidores que potencialmente possuem direito a essa indenização.

A defesa da Serasa

No entanto, em resposta às alegações, a Serasa defende que não houve, durante 2021, comprovação de invasão de seus sistemas nem indícios de vazamento de dados. Afirmou ainda que um instituto de perícia reputado confirmou tal fato.

A Serasa alega também que tanto o pedido do MPF quanto o do Instituto Sigilo foram indeferidos pela justiça. Entretanto, o processo continua em andamento, com muitos consumidores aguardando ansiosamente pela decisão final.

O impacto para os consumidores

O incidente de vazamento de dados que ocorreu em 2021 colocou em risco a privacidade e a segurança de milhões de brasileiros. Esses eventos enfatizam a importância de manter sistemas de proteção de dados sólidos e atualizados.

Além disso, enfatiza a importância de responsabilizar as organizações que falham em cumprir com seus deveres de proteger as informações confidenciais dos consumidores.

Veja também:

Falso comprovante do PIX: veja como não cair nesse golpe

O caso contra a Serasa está em curso, e embora os resultados ainda não estejam claros, a ação levanta questões significativas sobre o valor da privacidade dos dados no Brasil. Ademais, o assunto poderá, ainda, ter grande impacto na maneira como as empresas de proteção ao crédito operam no futuro.

Imagem: Alison Nunes Calazans / shutterstock.com