Fundador da XP Investimentos, Guilherme Benchimol, afirmou que a empresa não será vendida para o Itaú, mas é possível que seja lançada na bolsa. Além disso, até o fim do terceiro trimestre, a empresa de investimentos deve lançar um novo banco digital.

É provável que você também goste:

“Moderna”: Mulher é presa vendendo drogas com maquininha de cartão de débito e crédito.

Governo aprovou a redução do PIS de R$ 998 para R$ 468?

Sinal Verde Carrefour permite compras com até 40% de desconto e em até 24x sem juros.

A declaração do fundador da XP foi realizada, ontem (4), segundo o G1.

Fundador da XP Investimentos, Guilherme Benchimol,

“O que eu posso garantir é que o Itaú não vai comprar a gente”, disse em evento organizado pela companhia, em São Paulo. “Não tem a menor chance de a empresa ser vendida, nem para o Itaú, nem para ninguém”, afirmou.

Entretanto, o Itaú Unibanco anunciou, em maio de 2017, a compra de 49,9% da XP Investimentos. A operação foi aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e pelo Banco Central e ajudou a XP a melhorar a sua governança corporativa, segundo Benchimol.

Em contrapartida, o fundador da XP disse que a empresa pode abrir o seu capital. “Não tem data, não tem nada claro, mas é algo que a gente acredita que pode acontecer”, disse.

De acordo com o executivo, a abertura de capital possibilita uma “conexão com os maiores cérebros do mundo” o que “abre a cabeça da empresa”.

Novo banco digital da XP

A XP investimentos deverá lançar o seu banco no terceiro trimestre, segundo o sócio Gabriel Leal.

Até porque o Banco Central, no fim do ano passado, autorizou a criação do banco XP, um banco múltiplo com carteiras comerciais e de investimento. Por fim, atualmente, a XP administra R$ 274 bilhões em investimento, o que representa 5% do mercado.

Gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará artigos sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e tudo relacionado ao assunto das fintechs.

FonteG1.