Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Beneficiários do Bolsa Família e BPC recebem isenção em programa de moradia

Beneficiários do Bolsa Família e do BPC podem aproveitar as vantagens com novas medidas para programa de habitação. Veja!

Há novidades para beneficiários do Bolsa Família e do BPC: agora, é possível receber isenção de pagamento para as taxas do programa de moradia. Assim, caso sejam participantes do Minha Casa, Minha Vida, terão acesso à casa própria gratuitamente.

A iniciativa, do Governo Federal, garante ao cidadão que se encontra em situação de vulnerabilidade social a possibilidade de ter a casa própria. Assim, a isenção de pagamento das parcelas é o primeiro passo para a segurança social e física destas pessoas.

Entenda a isenção dos beneficiários do Bolsa Família e BPC

Imagem de uma pessoa segurando um celular com a tela na logo do Bolsa Família.
Imagem: Sidney de Almeida / shutterstock.com

Os cidadãos beneficiários do BPC ou do Bolsa Família podem procurar a Caixa Econômica Federal e apurar as condições para participação. Vale ressaltar que o primeiro passo para participar dos três projetos citados acima é possuir um registro no CadÚnico.

Veja também: Bolsa Família, auxílio-gás e salário-família juntos: saiba como solicitar

Tal registro personifica a dificuldade de manter um fluxo de pagamento regular, porém, ele também facilita o acesso aos benefícios dos programas sociais supracitados. Assim, para participar, é preciso provar a incapacidade de manutenção do pagamento mensal.

Ao todo, com a iniciativa, são cerca de 600 mil beneficiários do Bolsa Família e outras 150 mil do BPC que poderão aproveitar da situação. A regra vale tanto para contratos antigos, quanto para a criação de novos contratos de compra no MCMV.

Veja outros critérios para a participação no Minha Casa, Minha Vida

A medida abrange alguns imóveis disponíveis pelo MCMV, principalmente para as modalidades do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), do Fundo de Desenvolvimento Social (FDS) e do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR).

Além disso, todas as parcelas que já foram pagas não serão devolvidas às famílias. A isenção começa a valer para todas as parcelas ou novos contratos a partir do dia 28 de setembro. A partir do momento que houver a aprovação, ela é vitalícia, mesmo que o beneficiário saia do Bolsa Família ou do BPC.

Imagem: Sidney de Almeida / shutterstock.com