No próximo dia 29 de junho, milhões de cidadãos brasileiros deverão começar a receber o saque emergencial do FGTS no valor de R$ 1.045. Entretanto, neste primeiro momento, o valor estará disponível na poupança digital de cada beneficiário e não poderá ser sacado imediatamente e nem transferido para outros bancos. Isso deverá ocorrer apenas a partir do dia 25 de julho. Desta forma, os beneficiários terão que utilizar o saldo do benefício no app Caixa TEM. Mais abaixo você vai poder conferir como usar o app para receber o FGTS de R$ 1.045.

É provável que você também goste:

Caixa paga 3ª parcela do auxílio emergencial a 1,9 milhão de beneficiários do Bolsa Família nesta segunda-feira

Serasa lança campanha para limpar o nome pagando a partir de R$ 50

Quem pode receber o Auxílio Emergencial e o FGTS emergencial juntos?

Como usar o app Caixa Tem para receber o FGTS de R$ 1.045

Apesar de não poder fazer o saque imediato do FGTS, o trabalhador poderá utilizar o benefício no aplicativo Caixa Tem da seguinte maneira:

Para pagamento de contas e boletos

O trabalhador que receber o benefício no aplicativo Caixa Tem poderá fazer o pagamento de contas e boletos já a partir do próximo dia 29 (conforme o escalonamento pelo mês de aniversário). Esses pagamentos poderão ser feitos dentro do aplicativo, onde existe a opção em que, por meio de de um ”chat”, o usuário digita o código de barras e consegue pagar um boleto.

Fazer compras online

Pelo cartão de débito virtual disponibilizado pelo aplicativo Caixa Tem, o beneficiário poderá fazer compras em lojas online. As compras na internet também poderão ser feitas por boleto.

Compras em lojas físicas

Por fim, o cartão de débito virtual gerado pelo aplicativo Caixa Tem também poderá ser utilizado em estabelecimentos físicos.

O aplicativo Caixa Tem está disponível para Android e iOS e possui muitas funções.

Quem tem direito ao benefício?

Muitos brasileiros ainda possuem dúvidas quanto ao benefício e a principal delas é se eles têm ou não direito a fazer o saque do FGTS. Conforme afirmado mais acima, os trabalhadores que possuem as contas ativas e inativas no FGTS terão o direito a sacar os R$ 1045. Mas atenção, de acordo com a MP (medida provisória), o limite de saque é de R$ 1045. Então, se o trabalhador tiver mais de uma conta, o valor será retirado das contas inativas, iniciando naquelas que tiverem o menor saldo. Depois, o dinheiro pode ser retirado de outras contas ativas, com início também por aquela que tiver menor saldo. Entretanto, o valor total não pode passar dos R$ 1045.

Como deverá funcionar o saque emergencial do FGTS?

A partir do dia 29 de junho, o dinheiro estará disponível para ser movimentado no aplicativo Caixa Tem e, a partir do dia 25 de julho, estará disponível para saque e transferência para outros bancos, lembrando novamente que será feito conforme o escalonamento referente ao mês de aniversário.

Calendário do saque emergencial do FGTS (conforme mês de nascimento)

Janeiro – Uso Digital: 29 de junho – Saques e transferências: 25 de julho
Fevereiro – Uso Digital: 6 de julho – Saques e transferências: 8 de agosto
Março – Uso Digital: 13 de julho – Saques e transferências: 22 de agosto
Abril – Uso Digital: 20 de julho – Saques e transferências: 5 de setembro
Maio – Uso Digital: 27 de julho – Saques e transferências: 19 de setembro
Junho – Uso Digital: 3 de agosto – Saques e transferências: 3 de outubro
Julho – Uso Digital: 10 de agosto – Saques e transferências: 17 de outubro
Agosto – Uso Digital: 24 de agosto – Saques e transferências: 17 de outubro
Setembro – Uso Digital: 31 de agosto – Saques e transferências: 31 de outubro
Outubro – Uso Digital: 8 de setembro – Saques e transferências: 31 de outubro
Novembro – Uso Digital: 14 de setembro – Saques e transferências: 14 de novembro
Dezembro – Uso Digital: 21 de setembro – Saques e transferências: 14 de novembro

Como buscar informações sobre o saque emergencial?

  • Site do FGTS/Caixa neste link;
  • Ligando para o número 111, opção 2;
  • Por fim, pelo App FGTS, a partir desta sexta-feira (19 de junho);

Até quando será possível fazer o saque emergencial?

Como mencionado anteriormente, o dinheiro do benefício estará na poupança social digital a partir do dia 29 de junho. Caso o trabalhador não faça o saque do dinheiro até o dia 30 de novembro de 2020, o valor deverá ser devolvido para a conta FGTS, sem nenhum prejuízo ao trabalhador. Entretanto, se após essa data o trabalhador resolver fazer o saque emergencial, poderá fazer a solicitação pelo App FGTS até o dia 31 de dezembro de 2020.

Enfim, gostou da matéria?

Então, siga o nosso canal do YouTube, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.

Imagem: Brenda Rocha via Shutterstock

Marcado em:

, ,

Sobre o Autor

Cássio Coelho

Redator

Redator do site Optclean tecnologia, Seu Crédito Digital e Co-Fundador do site Portal do Gremista. Entusiasta de tecnologia, internet das coisas e fintechs.

Ver todos os artigos