O aplicativo de caronas 99 tem uma parceria com a fintech BePay, com o objetivo de, principalmente, facilitar a vida de seus motoristas. Quem trabalha dirigindo pelo app pode receber os pagamentos em segundos, além de poder pagar por aproximação com o Cartão99.

É provável que você também goste:

Vídeo: Nubank provoca grandes bancos vendendo ursinho de pelúcia pelo valor de uma TED.

Banco do Brasil é condenado por suicídio de funcionária trans

Governo estuda começar a cobrar imposto de motoristas de Uber, 99 e Cabify

Antes do Cartão99, o prazo para pagamentos do aplicativo aos motoristas poderia levar até 24 horas. Todos os motoristas já possuem o cartão, que concentra o pagamento das corridas já feitas, permite fazer compras e sacar o saldo em caixas eletrônicos e lotéricas.

“Com essas funcionalidades, nós oferecemos soluções inovadoras para facilitar a vida dos motoristas”, disse em entrevista Davi Miyake, Diretor de Operações da 99. “Isso é muito importante no Brasil, onde 30% da população, ou 60 milhões de pessoas, não possuem conta no banco”.

Hoje, a 99 conta com cerca de 600 mil motoristas dirigindo em mil cidades do Brasil. A empresa foi comprada pela corporação chinesa de mobilidade Didi Chuxing em janeiro do ano passado, com um aporte de US$100 milhões de dólares, tornando-se o primeiro unicórnio brasileiro.

Conheça melhor o Cartão99

Em 2016, a empresa lançou o próprio cartão, que é pré-pago, sem tarifas e aceito atualmente em qualquer lugar que trabalhe com a bandeira Visa. Os motoristas que desejam o seu devem, primeiramente, acessar a plataforma da 99, ir em Meus Ganhos > Cartão99 e fazer a solicitação. O prazo para receber o Cartão99 em casa é de 12 dias úteis. Ao terminar uma corrida, o valor vai imediatamente para o saldo do cartão e já pode ser utilizado. O saldo, portanto, pode ser conferido em tempo real pelo aplicativo da 99.

“Estamos sempre pensando em como podemos melhorar a experiência de todos que trabalham e usam os serviços da 99. E o lançamento do Cartão99 chega para facilitar a vida dos taxistas, novamente, por meio de inovação e tecnologia”, disse na época do lançamento Ariel Lambrecht, fundador da 99.

A PayPaxx é a empresa administradora, oferecendo gestão centralizada de custos e gastos dos funcionários de uma empresa. É conhecida no Brasil principalmente por oferecer cartões para os usuários do Mercado Pago, Walmart e Magazine Luiza, além da 99. Segundo a própria empresa, ela permite “que tudo seja online, em tempo real, com fácil controle e customização”. Os cartões que ela oferece são sem anuidade e sem mensalidade, e a empresa paga apenas pela emissão.

Startup entrou no mercado de delivery

A startup surgiu em 2012, primeiramente focada em taxistas, sob o nome de 99Taxi, e hoje já conta com 19 milhões de usuários no Brasil. Há pouco tempo, ainda em novembro de 2019, a 99 entrou no mercado de entrega de comida, com o aplicativo 99Food, concorrendo com Ifood e Uber Eats. Segundo empresa do ramo, Brasil e México lideram o ranking de entregas de alimentos, com 26 milhões e 15 milhões de entregas mensais, respectivamente.

Quem tiver interesse em ser um entregador do aplicativo usando uma bicicleta, pode fazer um cadastro e começar a ganhar uma renda extra. Para isso, é necessário instalar o app, preencher os dados, enviar os documentos obrigatórios e depois fazer uma verificação presencial em uma das centrais de entrega da 99.

O aplicativo de entregas ainda não está funcionando plenamente, focando no cadastro de entregadores nesse momento. A startup não informou quais serão as primeiras cidades em que o 99Food estará funcionando. Entretanto, a página de formulário para entregadores permite, por enquanto, selecionar somente a cidade de Belo Horizonte. O app promete recompensas para os entregadores, conforme o cumprimento das metas diárias e semanais. A startup pretende oferecer “opções que combinem preços acessíveis, entrega eficiente e uma variedade de alimentos de qualidade”.

Uber também lançou cartão de crédito

A Uber, nos Estados Unidos, também contará com cartão próprio e conta digital para os motoristas. O cartão de crédito Uber Credit é destinado aos passageiros e oferece cashback de 5% e outros benefícios para os gastos em serviços da companhia. A empresa chegou a criar uma divisão só para isso, chamada Uber Money. Por enquanto, não há previsão de que esses serviços cheguem ao Brasil.

Os motoristas norte-americanos logo terão acesso a uma conta digital sem taxas, na qual serão depositados os pagamentos em tempo real. Segundo a Uber, o parceiro terá acesso ao valor logo após a corrida e ele poderá ser gasto com o Uber Debit, um cartão de débito que oferece cashback de 3% em postos de gasolina no país (para Uber Pro, esse cashback é de 6%).

Enquanto as novidades da Uber relacionadas ao mundo financeiro não chegam no Brasil, os motoristas podem aproveitar os serviços da 99.

Enfim, gostou da matéria?

Então, siga o nosso canal do YouTube, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.