Em meio a tantas notícias ruins por causa da pandemia do coronavírus, finalmente surge uma boa: o CMN (Conselho Monetário Nacional) aprovou hoje (dia 16/03/2020) duas medidas para facilitar a renegociação de empréstimos de empresas e famílias. Essas medidas, além de facilitar a renegociação de até R$ 3,4 trilhões em empréstimos, também aumentará a capacidade de crédito do sistema financeiro em até R$ 637 bilhões. Conforme o Banco Central, o objetivo é ajudar a economia brasileira em meio à crise causada pelo coronavírus.

É provável que você também goste:

SPC/SERASA: descubra o segredo para limpar o nome com até 98% de desconto!

É mesmo necessário você correr aos supermercados e fazer estoque devido ao Coronavírus?

Quase 12% das pessoas usou mais de 50% do limite do cartão de crédito em janeiro

Segundo nota oficial, “O BCB tem um amplo arsenal de instrumentos e vai adotar todas as medidas necessárias para apoiar as empresas e as famílias contra os efeitos adversos do Covid-19 na economia”.

Medidas adotadas para facilitar a renegociação de empréstimos

Primeiramente, o CMN aprovou a facilitação da renegociação de empréstimos por famílias em empresas que possuem boa capacidade financeira e possuem bom histórico atual de pagamentos com os bancos. Conforme o BC, tal medida ajudará o fluxo de caixa desses tomadores durante a pandemia do coronavírus.

Em outras palavras, essa medida isenta os bancos de provisionamento em caso de repactuação de operações de crédito nos próximos seis meses. De acordo com o Banco Central, aproximadamente R$ 3,2 trilhões de créditos serão beneficiados por essa primeira medida.

A segunda medida tem como objetivo elevar a capacidade dos bancos usarem seu capital para aumentar a concessão de empréstimos e renegociar crédito. Dessa forma, o CMN permitiu aos bancos intensificar o ritmo de concessões de crédito pelo próximos meses.

O Banco Central destaca que tais medidas estão em sintonia com outras ações do Governo Federal e de acordo com reguladores financeiros internacionais.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Imagem: fizkes, via Shutterstock.

Sobre o Autor

Jadre Marques Duarte Junior

Redator-chefe

Graduado em Administração de Empresas pela UFRGS. Apaixonado por marketing, comunicação e finanças, possuo mais de 8 anos de experiência na área de T.I. aplicada a serviços financeiros.

Ver todos os artigos