Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Comunicado preocupante sobre o INSS; entenda o que aconteceu

Saiba sobre o preocupante comunicado do INSS. Fique informado e acompanhe as atualizações importantes. Leia mais abaixo.

Desde o início de 2023 até meados de abril, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) enfrenta uma problemática crescente devido a repetidas falhas nos seus sistemas de processamento de dados. Essas interrupções têm causado atrasos significativos na análise de pedidos de benefícios, comprometendo o tempo de espera para os segurados.

Foram identificadas 164 interrupções nos sistemas, totalizando mais de dois meses de inatividade em um ano. Dessa forma, essas falhas afetaram diretamente 13,4% dos 25,4 milhões de processos finalizados em 16 meses, equivalendo a 3,4 milhões de pedidos prejudicados. Isso resultou em atrasos significativos no processamento de aposentadorias, pensões e outras formas de assistência financeira para os segurados.

Quais são os principais sistemas afetados pelas falhas no INSS?

Um celular mostra na tela 'INSS', um cofre de porquinho rosa está ao lado e cédulas de 50 e 100 reais em baixo.
Imagem: rafastockbr / Shutterstock.com

Assim, os sistemas mais impactados incluem plataformas como o Sirc e o GET. O Sirc, responsável pela concessão do salário-maternidade, totalizou 20 dias fora do ar. Outrossim, o GET, por sua vez, mesmo tendo falhas que geralmente duram pouco, foi o sistema com o maior número de falhas registradas. Chegando a 50 interrupções nessas mesmas condições de período.

A maioria dos sistemas utilizados pelo INSS é administrada pela Dataprev. No entanto, os repetidos problemas operacionais levam a uma necessidade crítica de reavaliação e investimento na infraestrutura tecnológica. Uma auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU) salientou a indispensabilidade de atualizar o parque tecnológico e sugeriu a inclusão de cláusulas nos contratos com a Dataprev.

Quais as consequências diretas das paralisações para os segurados?

Grande parcela dos beneficiários do INSS são diretamente afetados pelas falhas nos sistemas. Rita Ribeiro, por exemplo, uma operadora de telemarketing que contribui desde os 14 anos, enfrentou atrasos significativos no julgamento de seu pedido de aposentadoria devido às paralisações. Assim, após um recurso, seu processo ainda aguarda decisão, realçando a frustração de muitos que dependem do sistema.

Veja também:

PL que prevê prazo para revisão da aposentadoria por incapacidade é aprovado; entenda o que muda

O INSS reconhece a gravidade do problema e afirma que estão sendo tomadas medidas para melhorar a eficiência e agilidade do atendimento. A melhora na gestão e no investimento em infraestrutura são promessas do governo, com um foco claro em usar também a inteligência artificial para acelerar a análise dos pedidos.

Imagem: rafastockbr / shutterstock.com