Seu Crédito Digital
O Seu Crédito Digital é um portal de conteúdo em finanças, com atualizações sobre crédito, cartões de crédito, bancos e fintechs.

Contrato com moratória na Caixa, o que isso significa?

0

Se você possui um contrato habitacional na Caixa Econômica Federal ativo, consultou a situação do mesmo nos últimos dias e verificou a situação Contrato com Moratória. Favor se dirigir a uma Agência. O que isso significa? Tire aqui as suas dúvidas.

É provável que você também goste:

Caixa (CEF) fora do ar: clientes não conseguem sacar e usar o cartão

Habitação: Como gerar boleto de prestação reduzida na Caixa?

Prefeituras abriram inscrições para novo programa Auxílio Natalino pelo WhatsApp?

Pausa estendida é o mesmo que pausa moratória

Devido à pandemia do coronavírus, e em virtude da perda de renda da maior parte da população, a Caixa Econômica Federal havia anunciado que as pessoas físicas poderiam solicitar a pausa estendida de até duas prestações. Posteriormente, este período foi ampliado, permitindo a pausa de até 90 dias, o que equivale a deixar de pagar até quatro prestações.

A solicitação devia ser feita por meio do aplicativo Caixa Habitação. Todos aqueles que solicitaram a pausa dos seus contratos habitacionais, procederam com a pausa moratória. Portanto, fique tranquilo, que é justamente a pausa estendida que você solicitou.

O que é moratória?

Moratória nada mais é do que o ato de atrasar ou suspender algo que havia sido acordado, como um pagamento. Especificamente no Direito das Obrigações, trata-se de uma concessão do credor ao devedor que permite um atraso no pagamento da dívida.

Milhões de mutuários da Caixa desconhecem essa possibilidade, conhecida como “pausa moratória”, que não é estipulada em contrato, mas pode ser aplicada em outras situações além do coronavírus, no caso da perda de um emprego, por exemplo.

Em vigor desde 2015, a regra prevê que o mutuário pessoa física que estiver em dia com suas prestações e que já tenha pago pelo menos 24 parcelas desde a concessão do financiamento ou da última negociação, poderá suspender o pagamento das prestações por até 12 meses. O valor da nova dívida, porém, não pode ser superior a 80% do preço do imóvel.

Pausa no financiamento pode dobrar o valor de parcelas prorrogadas

Mesmo diante da possibilidade de usar este benefício, ele deve ser usado com cautela, pois a pausa estendida ou moratória pode até dobrar o valor das parcelas prorrogadas. Isso acontece porque os juros são somados ao saldo devedor para quitação no final do financiamento.

Enfim, gostou da matéria?

Então, nos siga no canal do YouTube, em nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao mundo de fintechs.

Fonte: O Tempo, Blog Sage, Exame

Imagem: fizkes via shutterstock

Comentários
Carregando...