Os usuários da NuConta estão recebendo um aviso em que trata que os novos depósitos serão feitos em Recibos de Depósito Bancário (RDB), como padrão. Ou seja, não serão mais feitos em títulos públicos de forma automática.

É provável que você também goste:

Saiba aqui qual vai ser o valor do décimo terceiro salário do Bolsa Família

Caixa prepara saque extra do FGTS para quem possui um salário mínimo na conta.

Novo Cadastro Positivo: Quem está com o nome sujo no SPC e Serasa terá inclusão automática? Tire aqui as suas dúvidas sobre como funciona.

Depósitos na NuConta agora são feitos automaticamente em RDB por padrão, será que é seguro?

Como funcionava

Os depósito realidos na NuConta eram aplicados automaticamente em títulos públicos Tesouro Selic. Contudo, desde que a fintech lançou o seu RDB, título de renda fixa similar aos CDBs dos bancos, os clientes puderam começar a optar por esse tipo de papel, que tem a proteção do Fundo Garantidor de Créditos (FGC) para investimentos de até R$ 250 mil por CPF.

Portanto, por padrão, tudo que for depositado na NuConta será aplicado em RDB. Já os depósitos feitos em títulos públicos permanecem na mesma aplicação. Entretanto, os novos depósitos serão realizados em RDB.

Os clintes da NuConta são informados da migração e precisam dar a sua autorização, clicando no botão “OK, entendi”. O Nubank não pode migrar os clientes de modalidade sem a anuência delas.

Nota divulgada pelo Nubank

“conforme a nossa base de clientes cresce e o cenário econômico evolui, precisamos sempre pensar em novas formas para manter os benefícios que tornaram a NuConta a melhor alternativa às contas tradicionais: uma conta livre de tarifas escondidas e com rendimento maior do que a poupança.”

RDB é seguro?

O RDB rende 100% do CDI, com liquidez diária e sem taxas, assim como o investimento em Tesouro Selic da NuConta. Ambas as aplicações também contam com a mesma tributação: tabela regressiva de IR e IOF quando o investimento tiver menos de 30 dias.

Apesar de contar com a proteção do FGC, ou seja, protegido ao valor de até R$ 250 mil, o título está exposto ao risco da financeira do Nubank, que é a emissora do papel.

E o Tesouro Selic?

Já o Tesouro Selic não conta com a proteção do FGC. Entretanto, nem precisa, pois trata-de de um título público, que conta com a garantia do governo, sendo um investimento muito seguro.

Enfim, gostou da matéria?

Então, siga o nosso canal do YouTube, e nossas redes sociais como o FacebookTwitter Instagram. Assim acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais,  empréstimos e matérias relacionadas ao assunto de fintechs.