Com o surgimento de diversas startups bancárias, atualmente, existem diversas empresas oferecendo serviços bancários e disponibilizando cartões de crédito, inclusive virtualmente. O Nubank está dentre as novidades do ramo, e promete uma série de benefícios e facilidades aos seus clientes. Entretanto, ao mesmo tempo, empresas que estão há mais tempo no mercado também tem inovado seus serviços e propostas, para não ficarem atrás dos demais. Todavia, quando se fala em cartão de crédito, pensa-se em uma série de bancos e bandeiras. Neste post, será abordada a comparação entre o Credicard Zero e Nubank. Afinal, qual dos dois escolher?

Leia também:

Todas as compras internacionais com cartões de crédito passarão a travar câmbio, assim como o Nubank.

miBank: conta digital sem consulta ao SPC e Serasa, que adiciona Bitcoin

Saiba qual foi o pior cartão de crédito do ano de 2018!

Quais as diferenças entre os cartões CrediCard Zero e Nubank?

Sobre o Nubank

Quais as diferenças entre os cartões CrediCard Zero e Nubank? Imagem Nubank

Primeiramente, o famoso cartão roxinho pode demorar um tempinho para aprovar seu cadastro, e depois disso, você irá recebê-lo em sua casa, sem custo algum.

Trata-se de um cartão de crédito com diversas vantagens, e dentre elas, podemos citar:

  • Ausência de anuidades;
  • Ausência de taxas de adesão;
  • É aceito em diversos estabelecimentos;
  • Possibilidade de bloquear o cartão pelo aplicativo;
  • Possui um aplicativo incrível, com todas as funções necessárias.

Entretanto, ao mesmo tempo existem algumas desvantagens, como:

  • Baixos valores iniciais de limite, que restringem as compras quando o cartão está há pouco tempo com o usuário.
  • Ausência de programas de milhas e/ou benefícios. Contudo, estes estão disponíveis apenas mediante a assinatura do Nubank Rewards.
  • Alto juros no crédito rotativo, que pode chegar a 14% ao mês.

Sobre o CrediCard Zero

Quais as diferenças entre os cartões CrediCard Zero e Nubank? Imagem Credicard Zero

A CrediCard é uma financeira que está no mercado desde a década de 70, e este motivo pode levar à sua escolha. Atualmente, ela também lançou um programa diferenciado de cartão de crédito, que é o CrediCard Zero.

Os pontos positivos são:

  • Possibilidade de descontos e benefícios, somados a possibilidade de acumular pontos;
  • Não é preciso possuir conta corrente;
  • Possibilidade de controle via aplicativo;
  • Ausência de anuidade;
  • Possibilidade de ter altos limites.

Contudo, ao mesmo tempo apresenta algumas desvantagens:

  • Alto juro rotativo, que pode chegar a 9,9% ao mês;
  • Presença de cobrança por serviços adicionais, como notificações via SMS.

Sendo assim, qual a melhor opção?

No momento de escolher um cartão de crédito, devem ser analisadas as necessidades de cada indivíduo. Ademais, pense em quais serão os usos do mesmo, e com quais benefícios você gostaria de contar. Todavia, para quem gosta de ter vantagens e descontos, o CrediCard zero parece ser a melhor opção. Entretanto, ao mesmo tempo se você deseja ter descontos por pagar faturas antecipadas, opte pelo Nubank. Por fim, se você tiver um gasto considerável todos os meses e é assinante do Nubank Rewards, é interessante optar pelo roxinho.

Portanto, não se pode dizer que um cartão é melhor que o outro, mas sim que cada um deles atende necessidades diferentes! E para você, qual é o melhor? Deixe seu comentário.

Gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o FacebookTwitter e Instagram. Acompanhe nossos artigos e notícias sobre bancos digitais, cartões de crédito digitais, financiamentos, empréstimos e tudo relacionado ao assunto das fintechs.